Meteorologia

  • 27 FEVEREIRO 2021
Tempo
15º
MIN 12º MÁX 19º

Edição

Polícia do Chipre dispersa centenas de manifestantes contra corrupção

A polícia cipriota usou hoje canhões de água e gás lacrimogéneo para dispersar centenas de pessoas que se manifestavam na capital, Nicósia, contra a corrupção e a gestão do combate à pandemia pelo Governo.

Notícias ao Minuto

19:21 - 13/02/21 por Lusa

Mundo Chipre

Entre os manifestantes encontravam-se pais com crianças, mas também jovens em balaclavas, disse um jornalista da agência de notícias francesa AFP.

Alguns dos manifestantes batiam em tambores e gritavam, com dezenas de polícias de choque na sua frente.

A polícia utilizou canhões de água e gás lacrimogéneo para impedir a manifestação, que foi proibida por razões sanitárias.

Oito manifestantes foram detidos, disse a polícia à AFP.

Um manifestante também foi visto no chão a sofrer com os efeitos do gás lacrimogéneo e outro foi tratado no local, por profissionais de saúde que se encontravam numa ambulância, após ter sido atirado ao chão pelo canhão de água.

Alguns manifestantes foram multados por não usarem máscaras e não respeitarem as restrições impostas por causa da pandemia, de acordo com o 'site' de notícias Kathimerini.

Os organizadores da manifestação, incluindo antifascistas de esquerda e ativistas sindicais, tinham apelado nas redes sociais para que os cipriotas se manifestassem para dizer "basta" ao "autoritarismo de Estado", "incapacidade de gerir a pandemia" e "corrupção".

Em janeiro, as autoridades anunciaram medidas para combater a corrupção, alguns meses após o escândalo dos "passaportes de ouro [vistos 'gold', como são chamados em Portugal]" para investidores estrangeiros.

Estado-Membro da União Europeia, o Chipre emitiu milhares de passaportes através daquele mecanismo, suspeito de fomentar a corrupção e o branqueamento de dinheiro. O programa foi abolido em novembro.

O Chipre começou a aliviar as medidas relativamente à segunda fase da pandemia, a 10 de janeiro, após uma redução no número de novos infetados pela covid-19.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório