Meteorologia

  • 04 DEZEMBRO 2022
Tempo
MIN 8º MÁX 14º

Camarões. Secretário de Estado do Vaticano pede "paz e reconciliação"

O secretário de Estado do Vaticano, o cardeal Pietro Parolin, lançou um apelo à "paz e reconciliação" na zona anglófona dos Camarões, região que enfrenta uma revolta separatista.

Camarões. Secretário de Estado do Vaticano pede "paz e reconciliação"

"O Papa está bem consciente das dificuldades que encontrastes nos últimos anos e que ainda sofreis", disse o cardeal Parolin, hoje citado pela agência France-Presse (AFP), numa missa realizada no domingo em Bamenda.

Durante a celebração, o 'número dois' do Vaticano expressou o desejo de "paz e reconciliação" do líder da igreja católica, o Papa Francisco, e sublinhou que "a violência nunca resolve os problemas".

Na missa esteve presente o secretário-geral da Presidência camaronesa, Ferdinand Ngoh Ngoh, em representação do Governo.

Pietro Parolin foi recebido na sexta-feira pelo chefe de Estado camaronês, Paul Biya, que partilhou uma foto com o "portador de uma mensagem de paz".

Após o encontro, o cardeal disse estar nos Camarões para "expressar a atenção e solidariedade do santo padre Francisco para com os Camarões, especialmente neste momento em que vive um conflito sociopolítico nas regiões do noroeste e do sudoeste".

A crise das regiões anglófonas, que começou em 2016 com protestos pacíficos e a exigência de um uso mais igualitário do inglês nos tribunais e nas escolas, numa nação em que 80% da população é francófona, agudizou-se em finais de 2017.

Nesse ano, em resposta à repressão violenta do exército de uma comemoração de independência simbólica das regiões anglófonas, muitos grupos separatistas pegaram em armas para exigirem mais direitos.

O conflito nestas regiões, onde vivem três milhões de pessoas, causou cerca de três mil mortos, de acordo com o International Crisis Group, e provocou mais de 700 mil deslocados, segundo a agência das Nações Unidas para a Coordenação dos Assuntos Humanitários.

Os Camarões foram uma colónia britânica e francesa até 1960, ano em que o país conquistou a independência de ambas as potências e instituiu um estado federal. Em 1972 foi celebrado um referendo, que deu luz verde à unificação do país.

Leia Também: Incêndio após acidente de trânsito nos Camarões faz 53 mortos

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório