Meteorologia

  • 05 MARçO 2021
Tempo
14º
MIN 10º MÁX 16º

Edição

Corte de cabelo resulta em multas a grupo de 31 polícias britânicos 

Trinta e um polícias britânicos vão ser individualmente multados em 200 libras (226 euros) por violação das regras do confinamento ao cortarem o cabelo numa esquadra em Londres, revelou hoje a Polícia Metropolitana de Londres.

Corte de cabelo resulta em multas a grupo de 31 polícias britânicos 
Notícias ao Minuto

17:18 - 26/01/21 por Lusa

Mundo Covid-19

O incidente aconteceu a 17 de janeiro em Bethnal Green, no leste da capital britânica, duas semanas após a entrada em vigor do confinamento, que determinou o encerramento de comércio não essencial e serviços como cabeleireiros.

Após uma investigação, além da multa aos agentes, dois deles estão ainda a ser sujeitos a um inquérito interno por conduta dolosa por terem organizado a ação.

O comandante do policiamento local, o detetive-chefe superintendente Marcus Barnett, considerou o incidente "dececionante e frustrante" e disse que, embora a iniciativa tenha recolhido donativos para instituições de caridade, "isso não os desculpa de uma muito má decisão".

"Com toda a razão, a população espera que a polícia seja um modelo no cumprimento das regras que visam prevenir a propagação deste vírus mortífero. Espero que esta ação prove que a polícia não está imune à aplicação das regras, e que estamos preparados como organização para agir se virmos que os agentes se comportaram de maneira irresponsável", vincou.

O Reino Unido ultrapassou hoje as 100 mil mortes de covid-19, de acordo com os últimos dados do Governo, após terem sido registadas 1.631 mortes nas últimas 24 horas, elevando o total de mortes para 100.162.

O país é quinto a nível mundial com maior número de mortes, atrás dos Estados Unidos, Índia, Brasil e México.

A pandemia de covid-19 provocou, pelo menos, 2.140.687 mortos resultantes de mais de 99,6 milhões de casos de infeção em todo o mundo, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

Em Portugal, morreram 11.012 pessoas dos 653.878 casos de infeção confirmados, de acordo com o boletim mais recente da Direção-Geral da Saúde.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro de 2019, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

Leia Também: Reino Unido ultrapassa as 100 mil mortes desde o início da pandemia

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório