Meteorologia

  • 28 FEVEREIRO 2021
Tempo
12º
MIN 9º MÁX 20º

Edição

Brasil liderará tema de transição energética em diálogo das Nações Unidas

O Brasil anunciou na quinta-feira que foi um dos países escolhidos para liderar o diálogo de alto nível das Nações Unidas sobre energia, ficando encarregado de conduzir o tema "Transição Energética", anunciou o executivo brasileiro.

Brasil liderará tema de transição energética em diálogo das Nações Unidas
Notícias ao Minuto

06:50 - 22/01/21 por Lusa

Mundo Brasil

"A Organização das Nações Unidas (ONU) anunciou na quinta-feira os países escolhidos para liderar o diálogo de alto nível das Nações Unidas sobre energia, em processo que deverá culminar em setembro próximo, à margem da abertura da Assembleia-Geral, em Nova Iorque. O Brasil foi selecionado como país líder no tema da transição energética, um dos eixos centrais da iniciativa", informou o Ministério das Relações Exteriores em comunicado.

A indicativa foi lançada com o objetivo de identificar formas de acelerar o progresso rumo ao objetivo de prover energia limpa, sustentável, confiável e acessível para todos nos próximos anos.

"O Brasil é líder em energias renováveis e detém a mais alta proporção de energia limpa na sua matriz energética entre as grandes economias mundiais (45%, versus uma média global de 18%). Com mais de 98% da sua população conectada à rede elétrica, o país é também exemplo de sucesso em acesso à energia", indicou o Ministério.

A experiência brasileira "será posta a serviço dos esforços internacionais durante os debates e iniciativas a serem desenvolvidos nos marcos do diálogo de alto nível sobre energia", acrescentou.

Os trabalhos para a atuação do Brasil no processo serão coordenados pelos Ministérios das Relações Exteriores e de Minas e Energia.

"A seleção do país como um dos líderes para a transição energética é o reconhecimento dos méritos brasileiros no campo da energia limpa, sustentável e acessível", avaliou o Governo do Brasil, presidido por Jair Bolsonaro.

Segundo o executivo, é também a demonstração "de respeito nos foros internacionais de energia, onde o Brasil tem defendido a utilização de ampla gama de soluções para a descarbonização, combinando as vantagens da bioenergia sustentável, hidroeletricidade, energia solar e eólica, além da energia nuclear, em conjunto com fontes fósseis de menor emissão de CO2, como o gás natural"

A par do Brasil, também à Colômbia, Dinamarca, Alemanha, Índia, Espanha e Reino Unido foi-lhes atribuída a temática "Transição Energética", segundo dados da ONU.

Já o tema "Acesso a Energia" foi destinado a nações como China, Japão, Quénia, Países baixos e Rússia.

Leia Também: Brasil com mais 59 mil novos casos e 1.316 mortes nas últimas 24 horas

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório