Meteorologia

  • 09 MARçO 2021
Tempo
13º
MIN 8º MÁX 18º

Edição

Supremo de New Jersey anula condenação devido a referência a 'Shining'

O tribunal considerou que a referência usada por um procurador "aumentou o risco de um efeito prejudicial no júri".

Supremo de New Jersey anula condenação devido a referência a 'Shining'

O Supremo Tribunal do estado norte-americano de New Jersey decidiu anular a condenação de um homem pelo assalto a um banco em 2014 devido à referência de um procurador a ‘Shining’, o filme de Stanley Kubrick, que se tornou um clássico do cinema.

A Associated Press revela que a referência foi feita quando o procurador de Camden County apresentava os seus argumentos finais durante o julgamento de Damon Williams.

O procurador mostrou ao júri uma imagem de ‘Shining’, que retratava a personagem de Jack Nicholson no momento em que diz à sua mulher e ao seu filho ‘Here comes Johnny!’, logo após ter partido uma porta com um machado.

A referência pretendia mostrar que as ações valem mais do que as palavras, e o procurador recorreu à mesma para sustentar que Williams devia ser condenado por um crime mais grave do que um assalto em terceiro grau.

O júri acabou por decidir que Damon Williams devia ser condenado pelo crime de assalto em segundo grau, que implica o uso de força ou a ameaça do uso de força.

Williams está atualmente a cumprir uma sentença de 14 anos, como resultado da decisão judicial.

Esta terça-feira, numa decisão unânime, o Supremo Tribunal de New Jersey anulou a decisão, por considerar que “o uso de uma imagem provocativa e sensacional ao serviço de uma comparação, mesmo quando presumivelmente metafórica, aumenta o risco de um efeito prejudicial no júri”.

Leia Também: Passageiros aplaudem após comandante anunciar que avião transporta vacina

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório