Meteorologia

  • 04 MARçO 2021
Tempo
14º
MIN 12º MÁX 16º

Edição

Migrações. Menina relata a socorristas que atiraram corpo do irmão ao mar

Serviços de emergência da ilha de Gran Canária receberam um bote com migrantes, incluindo crianças. Uma delas explicou que tinham atirado o corpo sem vida do irmão ao mar. A mãe teve que ser sedada.

Migrações. Menina relata a socorristas que atiraram corpo do irmão ao mar

As declarações de uma menina de 12 anos de idade, proveniente da Guiné-Conacri, impactaram os elementos dos serviços de emergência da ilha de Gran Canária, que, nos últimos dias, receberam vários migrantes resgatados do mar.

De acordo com o El Mundo, o irmã da criança, um menino de 9 anos, morreu horas antes do resgate, enquanto estavam à deriva no Atlântico, e os outros migrantes atiraram o corpo ao mar.

Um dos membros com mais experiência da equipa de resgate, da Cruz Vermelha, indicou à agência Efe que ficou tocado com a cena que presenciou quando encontrou a menina e a mãe pela primeira vez, no bote. A criança conseguiu explicar aos socorristas que o seu irmão tinha morrido durante a viagem e que o seu corpo foi atirado ao mar. A mãe teve que ser sedada após ter um ataque de ansiedade.

Sem dar mais detalhes sobre as explicações da menina, a Cruz Vermelha indicou que se encontra em estado de choque.

O caso será investigado, para apurar o que aconteceu ao menino de 9 anos dentro do bote e qual foi o papel dos outros companheiros de viagem.

No vídeo abaixo, foi captado o momento em que a equipa de Salvamento Marítimo leva para segurança um bote com 34 ocupantes, sendo que 21 deles eram mulheres, entre elas uma menina de 12 anos e uma jovem grávida, que estava em estado grave. Também se encontravam mais dois menores, dois meninos com idades compreendidas entre os 8 e os 9 anos.

Todos os ocupantes estiveram no mar cinco dias até serem localizados por um avião de resgate, a 160 quilómetros das ilhas Canárias. Todos estavam em situação de esgotamento, desidratação e debilidade. Alguns deles mal conseguiam andar ao pisar terra, conforme documenta o vídeo, outros foram levados de maca e transportados para o hospital.

Leia Também: Migrações: Grécia pede ajuda à UE para o regresso de migrantes à Turquia

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório