Meteorologia

  • 07 MARçO 2021
Tempo
12º
MIN 10º MÁX 18º

Edição

Navalny. Alemanha transmite alguns elementos do processo a Moscovo

A Alemanha transmitiu a Moscovo vários elementos do processo relacionado com o presumível envenenamento do opositor do Kremlin Alexei Navalny, um dia antes do seu regresso planeado à Rússia, disse hoje o governo alemão à agência France-Presse (AFP).

Navalny. Alemanha transmite alguns elementos do processo a Moscovo
Notícias ao Minuto

13:03 - 16/01/21 por Lusa

Mundo Navalny

As autoridades competentes alemãs "responderam a quatro pedidos de assistência jurídica do Ministério Público russo ligados ao ataque que visou Alexei Navalny", disse um porta-voz do ministério alemão da Justiça à AFP.

Opositor do atual poder russo liderado por Vladimir Putin, Alexei Navalny encontra-se desde agosto em convalescença na Alemanha, para onde foi transferido por razões médicas, após ter entrado em coma durante uma viagem de avião na Sibéria, vítima de um suposto envenenamento.

Navalny anunciou que iria abandonar Berlim de avião no domingo de forma a regressar ao seu país, apesar dos riscos de ser preso à sua chegada.

Entre as partes do processo transmitidas às autoridades judiciais russas encontram-se, em particular, "os relatórios" dos interrogatórios a Alexei Navalny por parte das autoridades alemãs.

"Todas as informações necessárias a uma investigação criminal, como amostras de sangue e de tecidos, bem como peças de roupa, estão agora à disposição da Rússia", frisou o porta-voz.

Nestas condições, "o governo alemão parte do princípio que as autoridades russas vão tomar todas as medidas para clarificar o crime de que o senhor Navalny foi vítima", acrescentou o porta-voz alemão.

Os serviços penitenciários russos (FSNI) disseram na quinta-feira que tencionam prender Alexei Navalnyno domingo caso o dirigente da oposição regresse ao país como anunciou acusando-o de violar a pena suspensa a que tinha sido condenado.

"O Serviço Federal das Prisões da Rússia é obrigado a tomar todas as medidas necessárias para prender Alexei Navalnyenquanto se aguarda a decisão do tribunal que lhe vai substituir a pena suspensa por uma condenação deprisão efetiva", disse hoje em comunicado o organismo oficial.

Esta semana, Navanly disse que tenciona regressar à Rússia no próximo domingo e acusou o Presidente Vladimir Putin de o estar a tentar fazer mudar de opinião ao anunciar a possibilidade de detenção.

O Kremlin nega qualquer envolvimento no caso de envenenamento.

O mais destacado dirigente da oposição ao regime russo, que já cumpriu várias penas de prisão ao longo dos últimos anos, sentiu-se indisposto na altura em que regressava de avião entre a Sibéria e Moscovo no verão passado.

Depois de ter sido hospitalizado de emergência em Omsk foi transferido para uma clínica da capital alemã.

Laboratórios alemães, franceses e suecos, assim como testes da Organização para a Proibição de Armas Químicas, concluíram que Navalnytinha sido exposto a um agente fabricado durante o regime soviético.

As autoridades russas insistem que os médicos russos que trataram Navalnyna Sibéria antes de ter sido transferido para a Alemanha não encontraram vestígios de veneno e desafiaram a Alemanha a apresentar provas sobre o envenenamento.

Em dezembro, Navalnydivulgou uma gravação de uma chamada telefónica com um homem que diz pertencer aos serviços de inteligência russos (FSB) e que alegadamente foi um dos envolvidos na operação de envenenamento, gravação que o FSBafirma ser falsa.

Leia Também: Oposicionista Alexei Navalny alvo de mandado de captura na Rússia

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório