Meteorologia

  • 25 JUNHO 2022
Tempo
18º
MIN 16º MÁX 23º

PM israelita recorda magnata dos casinos por fortalecer relação com EUA

O primeiro-ministro israelita, Benjamin Netanyahu, reagiu hoje à morte do magnata norte-americano dos casinos, Sheldon Adelson, garantindo que "será para sempre lembrado" pelo seu trabalho de fortalecimento das relações entre os EUA e Israel.

PM israelita recorda magnata dos casinos por fortalecer relação com EUA

O fundador do império de casinos Las Vegas Sands e principal financiador do Partido Republicano nos Estados Unidos, Sheldon Adelson, morreu hoje de madrugada, aos 87 anos, vítima de cancro, anunciaram a sua mulher e a empresa.

Filho de imigrantes judeus, criado com dois irmãos numa quinta de Boston, tornou-se, na segunda metade da sua vida, num dos homens mais ricos do mundo.

Em comunicado hoje divulgado, depois de anunciada a morte de Adelson durante a madrugada, Netanyahu classificou o magnata como "um dos maiores financiadores da história do povo judeu".

Adelson era um defensor acérrimo de Netanyahu e lançou um jornal gratuito chamado Israel Hayom, que serve como porta-voz não oficial do líder israelita.

O magnata bilionário foi fundador de um grupo poderoso de casinos, desde Las Vegas à China, controlando seis dos maiores casinos do mundo e lucrando cerca de cinco mil milhões de euros por ano.

Sheldon Anderson era considerado o segundo magnata mais importante para a história do jogo em Macau, a seguir a Stanley Ho.

Em 2018, a revista Forbes classificou-o como o 15.º homem mais rico dos Estados Unidos, com uma fortuna estimada em 28,8 mil milhões de euros.

"Se fizermos as coisas de forma diferente, o sucesso segue-nos como uma sombra", afirmou em 2014, durante uma conferência para a indústria de jogos, em Las Vegas.

Contundente, mas reservado, Adelson era descrito como um chefe político antiquado e destacava-se da maioria dos judeus norte-americanos, que são, há décadas, apoiantes tradicionais do Partido Democrata.

Sheldon Adelson financiou várias campanhas políticas dos republicanos, chegando a ser considerado como o "pilar financeiro do Partido Republicano" e, nos últimos anos da sua vida, estabeleceu vários recordes de contribuições individuais.

Leia Também: Israel regista recorde diário de 9.589 casos e mantém confinamento

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório