Meteorologia

  • 18 ABRIL 2021
Tempo
12º
MIN 12º MÁX 24º

Edição

Investigado caso dos restos mortais encontrados na capital do México

A Procuradoria-Geral do México está a investigar o caso dos restos mortais encontrados no domingo no centro da Cidade do México e o possível envolvimento de um detido e mais pessoas, foi hoje revelado.

Investigado caso dos restos mortais encontrados na capital do México
Notícias ao Minuto

06:32 - 05/11/20 por Lusa

Mundo México

Segundo vários meios de comunicação locais, os restos mortais correspondem a dois adolescentes de origem indígena, de 12 e 14 anos, que foram dados como desaparecidos e vistos pela última vez em 27 de outubro no centro da capital mexicana.

A líder do Governo da Cidade do México, Claudia Sheibaum, descreveu o caso que envolve os menores como lamentável, noticia a agência EFE.

"O Ministério Público vai dar mais informações sobre este caso. É um caso extremamente lamentável nesta cidade, há detidos e outras detenções estão a caminho e serão dados mais esclarecimentos sobre este caso que está ligado, ao que parece, ao tráfico de droga", revelou.

Em comunicado, a Procuradoria-Geral da Cidade do México sublinhou que, para proteger os interesses dos menores e grupos vulneráveis como os indígenas, oferece o apoio e fará o acompanhamento da investigação às famílias dos dois menores.

O trabalho dos técnicos forenses "permitiu constatar que os restos encontrados correspondem aos corpos de dois adolescentes, de origem indígena, que foram vistos pela última vez em 27 de outubro num bairro da cidade.

Após a denúncia para o desaparecimento, em 29 de outubro, foi emitido um alerta para a sua localização.

O Ministério Público informou que realizou algumas diligências, no seguimento da investigação, de forma a apurar os factos e explicou que um homem foi detido no domingo por polícias e já foi apresentado perante um juiz, que irá determinar a sua provável participação neste caso.

E acrescentou que neste momento existem linhas de investigação "que poderão determinar a possível participação de outras pessoas que poderão conduzir a prováveis causas que deram origens aos acontecimentos.

No domingo, um homem de 29 anos foi detido enquanto transportava um carrinho de mão com caixas com sacos pretos, que caíram quando se deparou com uma patrulha da polícia que fazia vigilância nas ruas.

As ruas do centro da Cidade do México são disputadas por grupos criminosos que se dedicam ao tráfico de drogas e que procuram o controlo do mercado e a sua distribuição.

 

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório