Meteorologia

  • 22 OUTUBRO 2020
Tempo
13º
MIN 12º MÁX 19º

Edição

Alemanha bate recorde de novas infeções desde abril, com 5 mil casos

A Alemanha registou hoje 5.132 novas infeções pelo novo coronavírus, o maior número de novos casos desde abril, de acordo com o Instituto Robert Koch (RKI) de virologia, que na terça-feira tinha indicado 4.122 infetados.

Alemanha bate recorde de novas infeções desde abril, com 5 mil casos
Notícias ao Minuto

08:22 - 14/10/20 por Lusa

Mundo Covid-19

Desde o início da pandemia, a Alemanha soma 334.585 infeções confirmadas.

Nas últimas 24 horas, foram registados 40 óbitos pela covid-19, o que, segundo o RKI, representa um aumento significativo.

Na terça-feira, foram contabilizadas 13 mortes. O número de óbitos por covid-19 durante a pandemia no país é de 9.677.

A chanceler alemã, Angela Merkel, vai reunir-se hoje com os chefes de governo dos 16 estados federais alemães para coordenar medidas contra o agravamento da pandemia.

Em vários estados da federação foram introduzidas novas restrições, como o encerramento de bares e restaurantes a partir das 23 horas e a proibição da venda de álcool no mesmo horário.

A maioria dos estados federais também proibiu os hotéis de receber hóspedes de áreas consideradas de risco, ou seja, locais com incidência semanal de mais de 50 novas infeções por 50 mil habitantes.

Apenas no caso de os hóspedes apresentarem teste negativo, inferior a 48 horas, é que podem ser excluídos desta proibição.

A medida está a gerar polémica porque, de acordo com alguns dos seus críticos, as viagens dentro da Alemanha não têm sido um fator determinante para o aumento de casos.

Além disso, tem levado muitas pessoas sem sintomas e sem razão para acreditar que tenham sido infetadas a solicitarem um teste para poder viajar dentro da Alemanha, o que ameaça sobrecarregar as capacidades dos laboratórios.

A pandemia de covid-19 já provocou mais de um milhão e oitenta e um mil mortos e mais de 37,8 milhões de casos de infeção em todo o mundo, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório