Meteorologia

  • 25 OUTUBRO 2020
Tempo
16º
MIN 13º MÁX 19º

Edição

Mais 700 mil crianças sírias enfrentam má nutrição devido à pandemia

Os riscos de fome na Síria vão atingir mais 700 mil crianças devido às sérias dificuldades económicas provocadas pela pandemia de covid-19, alertou hoje a organização Save the Children.

Mais 700 mil crianças sírias enfrentam má nutrição devido à pandemia
Notícias ao Minuto

12:09 - 29/09/20 por Lusa

Mundo Covid-19

A organização não-governamental alerta que o novo balanço faz aumentar para 4,6 milhões o número total de crianças que enfrentam problemas de carência de alimentos na Síria, país marcado pela guerra.

O conflito sírio prolonga-se há quase dez anos e já fez 400 mil mortos, tendo provocado uma vaga de milhares de refugiados e deslocados internos.

A quebra da moeda local nos últimos meses está a provocar grandes dificuldades na obtenção de alimentos e a pandemia de SARS CoV-2 veio piorar a situação.

A organização Save the Children alerta que a situação das crianças na Síria não tem precedentes no que diz respeito à fome.

De acordo com a ONG, 65% das crianças "não comeram uma única maçã, laranja ou banana nos últimos três meses".

"No nordeste da Síria, uma área controlada pelos Estados Unidos que apoiam as Forças Democráticas Sírias, pelo menos um quarto das crianças não comeu uma peça de fruta nos últimos nove meses". 

A Save the Children refere que os pais das crianças sírias não conseguem obter alimentos frescos: carne, fruta ou vegetais e sobrevivem do consumo de grão e arroz. 

"Uma geração inteira de crianças enfrenta risco de má nutrição porque as famílias simplesmente não podem adquirir alimentos", disse Sonia Kush, diretora da organização para a Síria.

O Governo de Damasco registou mais de 4.100 casos de contágio do novo coronavírus nas áreas que controla, mas acredita-se que o número pode ser superior. 

A Save the Children está a organizar a distribuição de alimentos no nordeste da Síria, sobretudo às mulheres grávidas e crianças, e pede acesso às populações civis através de corredores humanitários.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório