Meteorologia

  • 27 OUTUBRO 2020
Tempo
19º
MIN 11º MÁX 19º

Edição

Trump justifica-se no Twitter sobre declarações de impostos. "Fake News"

O Presidente dos Estados Unidos alegou que as informações, publicadas pelo New York Times a pouco mais de dois meses das eleições, foram "obtidas ilegalmente" e com "segundas intenções".

Trump justifica-se no Twitter sobre declarações de impostos. "Fake News"

O Presidente dos Estados Unidos (EUA) abordou esta segunda-feira, através do Twitter, os relatórios sobre as suas declarações de impostos, revelados ontem, pelo jornal New York Times, e que garantem que Donald Trump pagou apenas 750 dólares (cerca de 645 euros) em impostos federais em 2016, ano em que foi eleito, e outro tanto em 2017.

Mas, de acordo com o presidente norte-americano, as informações reveladas pelo jornal foram obtidas ilegalmente e são "fake news" com segundas intenções, quando faltam apenas dois meses para as eleições.

"A 'Fake News Media', assim como nas eleições de 2016, está a trazer à tona os meus impostos e todos os tipos de outras baboseiras com informações obtidas ilegalmente e com segundas intenções. Paguei muitos milhões de dólares em impostos, mas tinha direito (...) à depreciação e créditos fiscais", tweetou Donald Trump, esta segunda-feira.

Mas o Presidente dos EUA não ficou por aqui. Depois de recusar responder às perguntas dos jornalistas sobre estas questões,  nas redes sociais, Donald Trump mostrou-se bastante interessado em justificar-se.

"Além disso, se olharem para os ativos extraordinários dos meus rendimentos, o que o 'Fake News' não fez, estou extremamente mal - tenho muito pouca dívida em comparação com o valor dos ativos. Muitas dessas informações já estão arquivadas e há muito tempo que digo que as posso divulgar", lê-se num segundo tweet.

Ainda sobre o mesmo assunto, o Presidente dos EUA garante, novamente via Twitter, que a partir do momento em que anunciou que se ia candidatar, mostrou "todos os bens, ativos e dívidas".

"Uma declaração impressionante e fui o único presidente eleito a prescindir dos meus 400 mil dólares mais salário presidencial", salientou.

Leia Também: Trump pagou 750 dólares de impostos em 2016 e 2017

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório