Meteorologia

  • 02 MARçO 2021
Tempo
11º
MIN 8º MÁX 18º

Edição

Sanções contra Irão. Moscovo aponta declaração "ilegítima" de Washington

O Ministério dos Negócios Estrangeiros russo denunciou hoje a declaração unilateral dos Estados Unidos de que as sanções da ONU contra Teerão estavam de novo em vigor, sublinhando que as reivindicações de Washington não tinham base legal.

Sanções contra Irão. Moscovo aponta declaração "ilegítima" de Washington
Notícias ao Minuto

08:41 - 20/09/20 por Lusa

Mundo Rússia

"As iniciativas e ações ilegítimas dos Estados Unidos não podem, por definição, ter consequências jurídicas internacionais para outros países", disse o ministério num comunicado.

A Rússia, um aliado chave do Irão, acusou Washington de fazer uma "representação teatral" e salientou que as declarações dos Estados Unidos "não correspondem à realidade".

Moscovo acusou os Estados Unidos de "procurar forçar todos a usarem óculos de realidade virtual" e aceitar a sua visão dos factos.

A atitude de Washington foi "um grande golpe para a autoridade do conselho de segurança da ONU" e mostrou abertamente "desprezo pelas suas decisões e pelo direito internacional como um todo", acrescentou Moscovo.

"Isto é inaceitável, não só para nós, mas também para outros membros do conselho de segurança", disse o ministério russo.

A Rússia disse que "apoia plenamente" a posição da maioria dos membros do conselho de segurança de que as iniciativas de Washington são legalmente "nulas e sem efeito".

Moscovo acrescentou que os esforços para alcançar a implementação do acordo de 2015 sobre o programa nuclear do Irão continuariam.

Os Estados Unidos anunciaram unilateralmente que as sanções da ONU contra o Irão estavam novamente em vigor e prometeram punir qualquer violação, num gesto que poderá aumentar o isolamento de Washington, mas também as tensões internacionais.

"Os Estados Unidos saudam o regresso de quase todas as sanções da ONU contra a República Islâmica do Irão anteriormente levantadas", declarou o secretário de Estado norte-americano, Mike Pompeo, em comunicado.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório