Meteorologia

  • 25 JANEIRO 2021
Tempo
15º
MIN 14º MÁX 17º

Edição

Chipre preocupado após chegada de quatro embarcações com migrantes

As autoridades de Chipre estão preocupadas com o aumento das chegadas de migrantes às costas daquela ilha, após quatro embarcações com mais de 100 migrantes sírios e libaneses a bordo terem sido detetadas nas últimas 48 horas.

Chipre preocupado após chegada de quatro embarcações com migrantes

Conforme divulgou hoje a polícia cipriota, quatro embarcações foram detetadas ao largo das costas leste e sul da República de Chipre nos últimos dois dias, transportando um total de 123 migrantes.

A mesma fonte precisou que cerca de metade destes migrantes tiveram autorização para desembarcar.

As forças policiais cipriotas informaram ainda que cerca de 21 migrantes permanecem a bordo de uma embarcação que se encontra à deriva junto da costa sudeste da ilha devido a uma avaria no motor.

A polícia precisou ainda que 12 migrantes, três mulheres e nove crianças, tinham sido retirados dessa mesma embarcação e tinham sido transferidos para um hospital cipriota por precaução.

Em declarações hoje à estação privada cipriota Alpha, o ministro do Interior cipriota, Nicos Nouris, anunciou a convocação de uma reunião de emergência na segunda-feira para avaliar os recentes desenvolvimentos.

O ministro disse que o centro de acolhimento de migrantes daquela ilha está a atingir os seus limites, recordando a necessidade de aplicar naquela estrutura os protocolos de saúde para evitar a propagação do novo coronavírus.

Na sexta-feira, Nicos Nouris saudou a aprovação por parte dos legisladores cipriotas de uma emenda constitucional que reduz o tempo permitido aos migrantes para recorrer dos pedidos de asilo rejeitados, que passa de 75 para 15 dias.

Na mesma ocasião, o ministro cipriota disse que a medida é um primeiro passo fundamental para ajudar a eliminar a enorme acumulação de pedidos de asilo atualmente verificada naquele país.

Chipre é abrangido pela rota migratória do Mediterrâneo oriental, utilizada por migrantes procedentes da Turquia que tentam entrar na Europa através da Grécia, do sul da Bulgária ou do território cipriota.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório