Meteorologia

  • 28 SETEMBRO 2020
Tempo
25º
MIN 15º MÁX 27º

Edição

Mais 25 casos em Cabo Verde aumentam total para 2.883 infeções

Cabo Verde registou mais 25 novos casos de infeção pelo novo coronavírus, todos na ilha de Santiago, aumentando o total acumulado no país para 2.883 infeções, anunciaram hoje as autoridades de saúde do país.

Mais 25 casos em Cabo Verde aumentam total para 2.883 infeções
Notícias ao Minuto

19:54 - 10/08/20 por Lusa

Mundo Covid-19

Os dados foram avançados na cidade da Praia, pelo diretor nacional da Saúde, Artur Correia, indicando que todos os novos casos foram registados na ilha de Santiago, a maior na cidade da Praia (16).

Tarrafal (03), Santa Cruz e São Salvador do Mundo (02), Ribeira Grande e São Lourenço dos Órgãos (01) foram os outros municípios que registaram casos novos nas últimas 24 horas, de um total de 167 amostras analisadas pelos laboratórios de virologia nacionais.

Na mesma conferência de imprensa, o responsável de saúde adiantou que o país registou mais 42 casos de pessoas recuperadas, de um total agora de 2.128 doentes com alta hospitalar.

Com os novos dados, o país passa a totalizar um acumulado de 2.883 infeções desde 19 de março, continua com 32 óbitos, dois doentes transferidos para os seus países e tem neste momento 721 casos ativos.

Segundo Artur Correia, o país registou uma média de 260 casos semanais nas últimas seis semanas epidemiológicas, com uma "boa caminhada" em termos de diminuição, esperando que a tendência se mantenha nas próximas semanas.

Nas últimas 24 horas, o porta-voz do Ministério do Saúde disse que foram notificados 47 casos suspeitos em todo o país e 16 pessoas internadas em hospitais, um deles em estado grave no Hospital Agostinho Neto, na Praia.

Relativamente ao número de mortes registados até agora, o diretor nacional de Saúde indicou que ao nível de sexo foram 16 homens e 16 mulheres, a maioria na cidade da Praia (21), com uma idade média de 68 anos.

O doente mais jovem que morreu tinha 18 anos enquanto o mais velho tinha 92 anos, ainda segundo Artur Correia, referindo que a maioria dos óbitos foram registados em pessoas com mais de 50 anos.

Até agora, o país já fez um total de 43.400 restes rápidos em todo o território, prosseguiu o diretor, para quem ainda não há um colapso do sistema nacional de saúde e que as autoridades de saúde têm dado o máximo.

"É claro que todo o mundo está apreensivo, mas os dados que avancei são os dados reais e que refletem o que acontece nas diferentes estruturas de saúde", disse o profissional de saúde, que apelou à confiança dos cabo-verdianos, para estarem sempre cientes que o país está a enfrentar algo grave e perigoso e que mata as pessoas.

Em África, há 23.269 mortos confirmados em mais de um milhão de infetados em 55 países, segundo as estatísticas mais recentes sobre a pandemia naquele continente.

A pandemia de covid-19 já provocou mais de 731 mil mortos e infetou mais de 19,8 milhões de pessoas em 196 países e territórios, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório