Meteorologia

  • 30 SETEMBRO 2020
Tempo
17º
MIN 16º MÁX 25º

Edição

Beirute/Explosões: Videoconferência de doadores agendada para domingo

O presidente do Conselho Europeu, Charles Michel, realiza no sábado uma visita a Beirute, atingida por fortes explosões na terça-feira, e no domingo decorre uma videoconferência de doadores para o Líbano organizada por Paris, anunciaram hoje as instituições europeias.

Beirute/Explosões: Videoconferência de doadores agendada para domingo
Notícias ao Minuto

12:14 - 07/08/20 por Lusa

Mundo Charles Michel

De acordo com o porta-voz do executivo comunitário, Eric Mamer, a Comissão Europeia irá participar no domingo na videoconferência de doadores "que visa recolher fundos para uma ajuda humanitária de urgência", na sequência das explosões de terça-feira no porto de Beirute, que devastaram bairros inteiros na capital libanesa.

O executivo comunitário estará representado pelo comissário para a ajuda humanitária, Janez Lenarcic.

A videoconferência é organizada pelo Presidente francês, Emmanuel Macron.

A conferência tem lugar um dia depois de uma visita de Charles Michel que, segundo anunciou na rede social Twitter, se deslocará a Beirute para "dar testemunho da solidariedade da Europa com o povo libanês", tendo agendadas reuniões com o Presidente libanês, Michel Aoun, o presidente do Parlamento, Nabih Berri, e o primeiro-ministro, Hassan Diab.

As explosões de terça-feira no porto de Beirute provocaram pelo menos 149 mortes, segundo o mais recente balanço oficial, e 120 feridos graves.

As violentas explosões deverão ter tido origem em materiais explosivos confiscados e armazenados há vários anos no porto da capital libanesa.

O primeiro-ministro libanês, Hassan Diab, revelou que cerca de 2.750 toneladas de nitrato de amónio estavam armazenadas no depósito do porto de Beirute que explodiu.

A explosão causou danos materiais significativos, deixando entre 200.000 e 250.000 pessoas sem casa, e perdas materiais no valor de 2.500 e 3.000 milhões de euros, de acordo com as autoridades da capital libanesa.

Beirute está em estado de emergência durante 15 dias, desde quarta-feira, e as Forças Armadas estão encarregues de garantir a segurança na área, onde os moradores continuam a tentar limpar as ruas e resgatar alguns dos objetos perdidos.

IG // FPA

Lusa/fim

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório