Meteorologia

  • 11 AGOSTO 2020
Tempo
20º
MIN 18º MÁX 27º

Edição

Condutor de autocarro morto por passageiros que recusaram usar máscara

O ataque ocorreu na cidade francesa de Bayonne.

Condutor de autocarro morto por passageiros que recusaram usar máscara

Philippe Monguillot, um condutor de um autocarro, foi espancado até ficar inconsciente, no passado dia 5 de julho, por quatro passageiros que se recusaram a usar máscara de proteção individual contra a Covid-19, medida decretada obrigatório no país para quem utilize transportes públicos. 

Esta sexta-feira, a vítima, de 59 anos, acabou por morrer no hospital, onde se encontrava internada. De acordo com declarações prestadas pela filha de 18 anos de Monguillot à agência AFP, a família decidiu "desligar as máquinas", visto que, na sequência das agressões, o homem ficou em morte cerebral. Ainda segundo a jovem, os médicos apoiaram a decisão tomada pela família. 

No âmbito do ataque, quatro homens já foram detidos pela polícia local e formalmente acusados. 

As agressões decorreram no passado domingo, por volta das 7h15, no autocarro número 810, que faz a ligação entre a localidade e Biarritz. Ao que foi apurado pelas autoridades, o ataque ocorreu quando Monguillot, o condutor de serviço do mesmo, foi confirmar se os passageiros tinham bilhetes. Ao deparar-se com quatro homens que não tinham a máscara colocada, advertiu os homens para a situação e acabou por ser espancado. 

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório