Meteorologia

  • 08 AGOSTO 2020
Tempo
24º
MIN 19º MÁX 31º

Edição

Irão: Pena de franco-iraniana de 5 anos de prisão confirmada em apelação

Um tribunal de apelação do Irão confirmou a pena de cinco anos de prisão imposta à antropóloga franco-iraniana Fariba Adelkhah por "conspirar para pôr em risco a segurança nacional", indicou hoje um porta-voz da Autoridade Judicial.

Irão: Pena de franco-iraniana de 5 anos de prisão confirmada em apelação
Notícias ao Minuto

12:34 - 30/06/20 por Lusa

Mundo Irão

Adelkhah "apelou da sua condenação inicial" e o tribunal de apelação confirmou a pena de cinco anos que deverá cumprir, contando o tempo desde a sua detenção em junho 2019, disse Gholamhossein Esmaili, citado pela agência noticiosa Isna.

A antropóloga é investigadora do Centro de Investigação Internacional (CERI) do Instituto de Estudos Políticos de Paris (Sciences Po).

O julgamento desta especialista em xiismo iniciou-se a 3 de março na 15ª câmara do Tribunal Revolucionário de Teerão.

A prisão da antropóloga foi denunciada pela França, que exige a sua libertação, assim como o seu comité de apoio em Paris.

O governo francês exigiu o acesso consular à investigadora, recusado pelas autoridades iranianas, que não reconhecem a dupla nacionalidade.

O colega e companheiro de Adelkhah, Roland Marchal, preso em junho de 2019 quando a visitou, foi libertado no final de março, na mesma altura em que Paris libertou um engenheiro iraniano ameaçado de extradição para os Estados Unidos, Jalal Rohollahnejad.

A prisão de Abdelkah "reduz substancialmente a confiança entre os nossos países", advertiu o ministro dos Negócios Estrangeiros francês, Jean-Yves Le Drian.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório