Meteorologia

  • 07 JULHO 2020
Tempo
21º
MIN 19º MÁX 35º

Edição

África ultrapassou a barreira dos 4.000 mortos nas últimas 24 horas

O continente africano ultrapassou nas últimas 24 horas a barreira dos 4.000 mortos devido à covid-19, contabilizando 4.069 óbitos, num total de 141.535 infetados, segundo o Centro de Controlo e Prevenção de Doenças da União Africana (África CDC).

África ultrapassou a barreira dos 4.000 mortos nas últimas 24 horas
Notícias ao Minuto

10:48 - 31/05/20 por Lusa

Mundo Covid-19

Os mesmos dados referem que nos 54 países analisados foi registada a recuperação de 59.212 doentes, mais 2.796 que no dia anterior.

A região do continente mais afetada pelo novo coronavírus continua a ser norte de África: 1.846 mortes em 42.125 casos, com 17.664 recuperados.

A África Ocidental regista 701 mortos em 34.213 infeções, com 13.972 recuperados, enquanto a África Austral contabiliza 33.148 casos, dos quais 667 mortais, e 17.277 recuperados.

A África Oriental regista 478 mortos e 16.385 casos registados, com 4.626 recuperados, e na África Central há 387 vítimas mortais em 15.664 casos, dos quais 5.673 recuperados.

O Egito é o país com mais mortos (913) e 23.449 infeções, seguindo-se a Argélia, com 646 vítimas mortais e 9.267 infetados.

A África do Sul é o terceiro com mais mortos (643), continuando a ser o país do continente a registar mais casos de covid-19 (30.967).

Marrocos totaliza 204 vítimas mortais e 7.780 casos, a Nigéria regista 273 mortos e 9.855 casos, enquanto o Gana tem 35 mortos e 7.768 casos.

Entre os países africanos lusófonos, a Guiné-Bissau é o que tem mais infeções, com 1.256 casos, registando oito mortos.

São Tomé e Príncipe contabiliza 479 casos e 12 mortos e Cabo Verde tem 421 infeções e quatro mortos.

Moçambique conta 244 doentes infetados e dois mortos e Angola tem 77 casos confirmados de covid-19 e quatro mortos.

A Guiné Equatorial, que integra a Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP), tem 1.306 casos e 12 mortos, segundo o África CDC.

O primeiro caso de covid-19 em África surgiu no Egito em 14 de fevereiro e a Nigéria foi o primeiro da África subsaariana a registar casos de infeção, em 28 de fevereiro.

A nível global, segundo um balanço da agência de notícias AFP, a pandemia de covid-19 já provocou mais de 366 mil mortos e infetou mais de 6 milhões de pessoas em 196 países e territórios.

Mais de 2,4 milhões de doentes foram considerados curados.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório