Meteorologia

  • 01 JUNHO 2020
Tempo
23º
MIN 17º MÁX 28º

Edição

EUA com 1,5 milhões de infetados é "motivo de orgulho", diz Trump

Presidente norte-americano disse que os Estados Unidos são o país com mais infetados porque são o país que mais testa: "Eu vejo isso como motivo de orgulho".

EUA com 1,5 milhões de infetados é "motivo de orgulho", diz Trump

O presidente norte-americano, Donald Trump, afirmou, esta terça-feira, que os Estados Unidos estão em primeiro lugar na lista de países com mais casos de infeção por causa do número de testes que fazem e que isso é "motivo de orgulho".

O líder republicano estava a ser questionado quanto ao crescimento do número de casos confirmados no Brasil, para perceber se estava em cima da mesa uma suspensão de voos a partir do país sul-americano, quando se referiu ao facto dos Estados Unidos liderarem a lista de países mais afetados em número de casos.

"A propósito, você sabe que quando diz que nós somos o país mais afetado em número de casos isso acontece porque testamos mais do que toda a gente. (...) Fizemos perto de 14 milhões de testes, na Alemanha fizeram dois milhões, outros fizeram um milhão. Se testámos 14 milhões de pessoas vamos ter mais casos. (...) Eu não vejo isso como uma coisa má, eu vejo-o, de certa forma, como uma coisa boa, porque significa que a nossa testagem é muito superior", disse.

"Se testássemos um milhão de pessoas, tínhamos muito menos casos. Portanto, eu vejo isso como um motivo de orgulho. Realmente, é um motivo de orgulho. É um grande tributo à capacidade de testagem e ao trabalho que os profissionais fizeram", acrescentou, conforme pode ver no vídeo abaixo.

De acordo com o Guardian, estas palavras estão a ser recebidas com muitas críticas, citando, por exemplo, o renomado constitucionalista norte-americano Larry Tribe. "Isto é como chamar a um conjunto de cadáveres um motivo de orgulho para o departamento de polícia que deixou o assassino em série andar à solta durante meses antes de o parar", escreveu, através do Twitter.

Sobre a "superior" capacidade de testagem, de acordo com a BBC, os Estados Unidos têm, sim, o maior número do mundo em termos de volume, mas não per capita. Em termos de proporção em relação à população (número de testes por cada mil pessoas), os Estados Unidos estão em 16.º lugar, atrás de países como a Islândia, Nova Zelândia, Espanha, Itália, Alemanha ou Portugal.

Recorde-se que os Estados Unidos são o país com o maior número de infeções e mortes pelo vírus, com mis de 1,5 milhões de infetados e mais de 90 mil óbitos associados à Covid-19.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório