Meteorologia

  • 25 MAIO 2020
Tempo
28º
MIN 17º MÁX 30º

Edição

Governo moçambicano diz que vai comprar 300 ventiladores

O ministro da Economia e Finanças de Moçambique, Adriano Maleiane, afirmou hoje que o país vai comprar 300 ventiladores para o Sistema Nacional de Saúde (SNS), no âmbito da luta contra a pandemia da doença respiratória covid-19.

Governo moçambicano diz que vai comprar 300 ventiladores
Notícias ao Minuto

13:20 - 10/04/20 por Lusa

Mundo Covid-19

Adriano Maleiane fez o anúncio, em resposta a perguntas dos deputados da Comissão do Plano e Orçamento (CPO) da Assembleia da República (AR) de Moçambique, durante uma audição sobre as propostas do Plano Económico e Social (PES) e do Orçamento do Estado (OE) de 2020, que vão ser debatidos na próxima semana.

"De acordo com os serviços competentes [de saúde] está prevista a aquisição de 100 ventiladores fixos e 200 móveis", declarou Maleiane.

O custo das referidas máquinas está orçado em 228,5 milhões de meticais (3,1 milhões de euros) e será suportado por parceiros externos, havendo já entidades que manifestaram interesse nesse sentido, acrescentou.

"Esperamos que os ventiladores tenham financiamento externo, caso não, vamos ter de encontrar formas de ir buscar esse dinheiro no Orçamento do Estado", afirmou o governante.

O ministro da Economia e Finanças de Moçambique esclareceu os deputados acerca do pedido de 700 milhões de dólares (639,9 milhões de euros) que o executivo fez aos parceiros internacionais no dia 23 de março para o combate à covid-19, sublinhando que o montante inclui a construção de hospitais, uma vez que há distritos sem este tipo de estruturas no país.

"Há muitos distritos que não estão preparados na eventualidade de o país entrar no nível quatro das medidas de combate à pandemia", referiu Adriano Maleiane.

Moçambique tem 17 casos oficialmente declarados de infeção pelo novo coronavírus.

O número de mortes provocadas pela covid-19 em África é de 630 num universo de mais de 12.219 casos registados em 52 países, de acordo com a mais recente atualização dos dados da pandemia naquele continente.

Segundo o boletim do Centro de Controlo e Prevenção de Doenças da União Africana (CDC África), nas últimas 24 horas, o número de mortes registadas subiu de 572 para 690, enquanto as infeções subiram de 11.400 para 12.219.

O novo coronavírus, responsável pela pandemia da covid-19, já infetou mais de 1,5 milhões de pessoas em todo o mundo, das quais morreram quase 94 mil. Dos casos de infeção, mais de 316 mil são considerados curados.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório