Meteorologia

  • 04 JULHO 2020
Tempo
33º
MIN 16º MÁX 34º

Edição

UE avisa Hungria. Covid-19 não é desculpa para 'suspender' a democracia

Ursula von der Leyen sublinha que "é da maior importância que as medidas de emergência não surjam à custa de princípios e valores fundamentais".

UE avisa Hungria. Covid-19 não é desculpa para 'suspender' a democracia

A presidente da Comissão Europeia, Ursula von der Leyen, deixou, esta terça-feira, um sério aviso à Hungria, no seguimento das medidas decorrentes do estado de emergência aplicado no país, como resultado da pandemia de Covid-19.

O alerta surge, sensivelmente, 24 horas após o parlamento húngaro ter dado ao primeiro-ministro, Viktor Orban, poderes reforçados enquanto o estado de emergência - que, neste momento, não tem fim à vista - permanecer ativo.

"É da maior importância que as medidas de emergência não surjam à custa de princípios e valores fundamentais... A democracia não pode funcionar sem uma comunicação social livre e independente", afirmou, em declarações reproduzidas pela agência noticiosa Reuters.

"Quaisquer medidas de emergência devem estar limitadas àquilo que é necessário e estritamente proporcional. Elas não podem durar indefinidamente. Os governos devem assegurar-se de que as medidas são sujeitas a escrutínio regular", acrescentou.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório