Meteorologia

  • 26 MAIO 2020
Tempo
22º
MIN 18º MÁX 32º

Edição

Reino Unido ultrapassa barreira dos mil mortos por Covid-19

O Reino Unido registou, nas últimas 24 horas, mais 260 mortos pelo novo coronavírus, o que perfaz um total de 1.019.

Reino Unido ultrapassa barreira dos mil mortos por Covid-19

O novo balanço divulgado pelas autoridades de saúde do Reino Unido dão conta de mais 260 vítimas mortais infetadas com a Covid-19, o perfaz um total de 1.019. 

Revela a Sky News, este sábado, que as vítimas mortais tinham entre 33 e 100 anos de idade. À exceção de 13 destas pessoas, todas as restantes tinham outras doenças associadas. 

Até ao momento, já foram testadas 120.776 pessoas para detetar a presença do novo coronavírus, das quais 17.089 estão infetadas

Entre os doentes encontra-se o primeiro-ministro britânico, Boris Johnson, e o seu ministro da Saúde, Matt Hancock, enquanto o ministro responsável pela pasta da Escócia, Alister Jack, está isolado há sete dias, depois de ter revelado sintomas semelhantes aos de covid-19, sem ter sido testado.

Perante a rápida propagação do novo coronavírus, o Reino Unido envolveu-se numa operação contra o tempo para conseguir disponibilizar milhares de camas hospitalares.

Os britânicos estão confinados em casa desde segunda-feira à noite, por um período de pelo menos três semanas.

O novo coronavírus, responsável pela pandemia da covid-19, já infetou mais de 600 mil pessoas em todo o mundo, das quais morreram quase 28.000.

Dos casos de infeção, pelo menos 129.100 são considerados curados.

Depois de surgir na China, em dezembro, o surto espalhou-se por todo o mundo, o que levou a Organização Mundial da Saúde (OMS) a declarar uma situação de pandemia.

Vários países adotaram medidas excecionais, incluindo o regime de quarentena e o encerramento de fronteiras.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório