Meteorologia

  • 31 MARçO 2020
Tempo
13º
MIN 8º MÁX 13º

Edição

Número de "tratamentos milagrosos" à venda na Internet "é chocante"

A Comissão Europeia alertou hoje para o "número chocante" de medicamentos falsos e "tratamentos milagrosos" para a covid-19 à venda na Internet, e garantiu ação policial para combater este crime cibernético em altura de pandemia.

Número de "tratamentos milagrosos" à venda na Internet "é chocante"

"A quantidade de crimes cibernéticos na UE aumentou. O número de medicamentos falsos, 'sprays' de desinfeção ou tratamentos milagrosos vendidos 'online' é chocante", declara a presidente do executivo comunitário, Ursula von der Leyen, num vídeo publicado esta tarde.

Notando que o "medo [da população] criou oportunidades de negócio" para este tipo de crimes na Internet, a responsável garante que a Comissão Europeia está a trabalhar "com os governos nacionais e as agências da União Europeia [UE] para resolver esse problema e manter as pessoas seguras".

Como exemplo, Ursula von der Leyen destaca que o serviço europeu de polícia, a Europol, apreendeu nas últimas semanas "mais de 4,4 milhões de unidades de produtos farmacêuticos ilícitos", deteve 121 pessoas e desmantelou 37 grupos de crime organizado.

A operação da Europol, coordenada pela organização internacional Interpol, abrangeu 90 países em todo o mundo e decorreu entre os passados dias 03 e 10 de março.

No vídeo, Ursula von der Leyen aconselha ainda a população a verificar a credibilidade das páginas da Internet em que este tipo de produtos são vendidos.

"Se uma vacina contra o novo coronavírus for criada, o seu governo e as instituições públicas em geral vão anunciá-lo", diz ainda a responsável.

O novo coronavírus, responsável pela pandemia da covid-19, já infetou mais de 360 mil pessoas em todo o mundo, das quais cerca de 17.000 morreram.

Depois de surgir na China, em dezembro, o surto espalhou-se por todo o mundo, o que levou a Organização Mundial da Saúde (OMS) a declarar uma situação de pandemia.

O continente europeu é aquele onde está a surgir atualmente o maior número de casos, e a Itália é o país do mundo com mais vítimas mortais.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório