Meteorologia

  • 17 JANEIRO 2021
Tempo
10º
MIN 5º MÁX 15º

Edição

Nigéria anuncia primeira vítima mortal devido a Covid-19

As autoridades nigerianas anunciaram hoje a primeira morte causada pela Covid-19, depois de o país mais populoso da África, com 200 milhões de habitantes, ter registado um aumento acentuado do número de casos de infeção nos últimos dias.

Nigéria anuncia primeira vítima mortal devido a Covid-19
Notícias ao Minuto

12:47 - 23/03/20 por Lusa

Mundo Covid-19

"A primeira morte da Covid-19 foi registada", anunciou a Agência Nigeriana de Controle de Doenças (NCDC) na sua conta no Twitter.

"Trata-se de um homem de 67 anos, que regressou à Nigéria depois de ter sido hospitalizado em Inglaterra", adiantou a mesma entidade.

Segundo a NCDC, o estado de saúde deste paciente foi agravado pelo facto de ter diabetes e estar a fazer quimioterapia, referiu.

Ainda de acordo com a mesma entidade, hoje de manhã registaram-se mais 36 casos de Covid-19, a grande maioria em Lagos, uma cidade em expansão, com 20 milhões de habitantes.

A Nigéria suspendeu todos os voos internacionais, fechou escolas e limitou as reuniões públicas a 50 pessoas em vários estados do país.

O país é particularmente vulnerável a pandemias, com densidades populacionais entre as mais altas do mundo em muitas das suas megacidades, milhões de pessoas deslocadas por conflitos, especialmente no norte do país, e um sistema de saúde extremamente precário.

O novo coronavírus, responsável pela pandemia da covid-19, já infetou mais de 341 mil pessoas em todo o mundo, das quais mais de 15.100 morreram.

Depois de surgir na China, em dezembro, o surto espalhou-se por todo o mundo, o que levou a Organização Mundial da Saúde (OMS) a declarar uma situação de pandemia.

O continente europeu é aquele onde está a surgir atualmente o maior número de casos, com a Itália a ser o país do mundo com maior número de vítimas mortais, com 5.476 mortos em 59.138 casos. Segundo as autoridades italianas, 7.024 dos infetados já estão curados.

De acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS), em África há 1.396 casos confirmados de infeção por Covid-19, em 43 países. 

O continente africano já registava este domingo à tarde pelo menos 40 mortes devido ao novo coronavírus, ultrapassando os 1.250 casos em 43 países, segundo as estatísticas mais recentes sobre a pandemia da covid-19.

No total, estão contabilizados naquele continente 1.267 casos de infeção desde o início da pandemia, tendo o primeiro sido detetado em 14 de fevereiro, no Egito.

De acordo com o portal Worldometer, que compila quase em tempo real a informação da Organização Mundial de Saúde (OMS), dos Centros de Controlo e Prevenção de Doenças de fontes oficiais dos países, de publicações científicas e de órgãos de informação, há registos de mortes pela covid-19 em 12 países africanos: Egito, Argélia, Marrocos, Tunísia, Burkina Faso, Gabão, Sudão, Maurícias, Gana e República Democrática do Congo (RDCongo), além da Nigéria e Gâmbia, que anunciaram hoje as primeiras mortes.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório