Meteorologia

  • 20 OUTUBRO 2020
Tempo
17º
MIN 16º MÁX 20º

Edição

Autoridades de Xangai rastreiam contactos com paciente oriundo do Irão

As autoridades de saúde de Xangai, leste da China, estão a rastrear todas as pessoas que tiveram contacto com um caso de infeção pelo coronavírus Covid-19 no Irão, revelou hoje o semanário económico Caixin.

Autoridades de Xangai rastreiam contactos com paciente oriundo do Irão
Notícias ao Minuto

09:07 - 27/02/20 por Lusa

Mundo Covid-19

Segundo a publicação, o Centro para o Controlo e Prevenção de Epidemias de Xangai descobriu que o paciente em causa contraiu o vírus no Irão, antes de viajar para a cidade e, posteriormente, embarcou numa viagem de comboio com destino à região autónoma de Ningxia, no noroeste da China, a cerca de 2.000 quilómetros de distância, e onde testou positivo para a doença.

O Centro está agora a acompanhar todas as pessoas que tiveram contacto próximo com o paciente para impedir que o vírus se alastre na cidade "capital" financeira da China, e onde vivem cerca de 24 milhões de pessoas e foram já reportados 337 casos e três mortos.

Segundo os dados atualizados pela Comissão Nacional de Saúde da China, até à meia-noite de hoje (16:00 de quarta-feira em Lisboa), a China somava um total de 2.744 mortos e 78.497 casos confirmados.

Entre os casos confirmados, 43.258 ainda estão ativos e 8.346 encontram-se em estado grave. Mais de 32.400 pessoas já receberam alta após superarem a doença.

Embora mais de trinta países tenham casos diagnosticados com Covid-19, a China soma 95% dos casos de infeção pelo novo coronavírus a nível mundial.

No Irão, há 141 pessoas infetadas, entre as quais 22 morreram, segundo o último balanço feito ministério da Saúde daquele país.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório