Meteorologia

  • 04 ABRIL 2020
Tempo
17º
MIN 11º MÁX 18º

Edição

Covid-19: 14 turistas norte-americanos retirados de cruzeiro no Japão

Catorze pessoas infetadas com o novo coronavirus (Covid-19) que se encontravam a bordo do paquete 'Diamond Princess', com cerca de 300 norte-americanos, bloqueado no Japão, foram retiradas de avião, anunciou hoje o Departamento de Estado.

Covid-19: 14 turistas norte-americanos retirados de cruzeiro no Japão

O grupo de 14 pessoas encontrava-se isolado dos restantes passageiros antes de ser retirado do navio tendo sido mais tarde desembarcado pelas autoridades japonesas, antes de os Estados Unidos terem sido informados sobre os testes médicos que tinham sido feitos aos ocupantes do cruzeiro.

De acordo com um comunicado do Departamento de Estado, as 14 pessoas infetadas foram repatriadas de avião, mas foram mantidas isoladas dos restantes passageiros que se encontravam no aparelho.

"Estas pessoas foram transportadas de forma segura e rápida numa zona de confinamento especial do avião, cumprindo os protocolos", refere o Departamento de Estado.

Os 14 pacientes vão cumprir obrigatoriamente 14 dias de quarentena, nos Estados Unidos.

Alguns dos cerca de 300 passageiros norte-americanos que se encontram a bordo do cruzeiro 'Diamond Princess' aceitaram abandonar a embarcação.

As autoridades médicas de Washington já tinham informado que pelo menos 40 norte-americanos infetados com o Covid-19 estão hospitalizados no Japão.

Cerca de 600 pessoas que se encontravam na República Popular da China cumprem períodos de quarentena nos Estados Unidos, disse sexta-feira o Centro de Controlo e Prevenção de Doenças.

Entretanto, mais 99 casos de infeção pelo novo coronavírus foram confirmados a bordo do navio cruzeiro sob quarentena no porto de Yokohoma.

Este número eleva para 454 o número de casos positivos no cruzeiro Diamond Princess, escreve a agência Francesa France Press, adiantando que o Ministério da Saúde não quis confirmar de imediato estes dados.

Covid-19 já matou 1.770 pessoas na China continental e infetou 70.548.

Além de 1.770 mortos na China continental, há a registar um morto na região chinesa de Hong Kong, um nas Filipinas, um no Japão e um em França.

As autoridades chinesas isolaram várias cidades da província de Hubei, no centro do país, para tentar controlar a epidemia, medida que abrange cerca de 60 milhões de pessoas.

Em Portugal, há neste momento uma pessoa internada, no Porto, por suspeita de infeção com o vírus.

Segundo a Direção-geral de Saúde (DGS), serão realizadas colheitas de amostras biológicas para análise pelo Instituto Nacional de Saúde Dr. Ricardo Jorge (INSA), de modo a confirmar ou a despistar a infeção.

Já houve em Portugal outros oito casos suspeitos, mas nenhum se confirmou.

Em todas as nove situações estão em causa pessoas regressadas a Portugal desde a China.

Segundo o Centro Europeu de Prevenção e Controlo das Doenças (ECDC), há 45 casos confirmados na União Europeia e no Reino Unido.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório