Meteorologia

  • 23 NOVEMBRO 2020
Tempo
17º
MIN 10º MÁX 18º

Edição

Coligação internacional liderada pelos EUA no Iraque suspende ações

A coligação internacional liderada pelos EUA anunciou hoje a suspensão das suas atividades de apoio e treino às tropas iraquianas, para se concentrar na proteção das bases estacionadas no Iraque, segundo um comunicado oficial.

Coligação internacional liderada pelos EUA no Iraque suspende ações
Notícias ao Minuto

14:51 - 05/01/20 por Lusa

Mundo EUA/Irão

A coligação internacional que luta contra o grupo terrorista do Estado Islâmico (EI) informou hoje, em comunicado, que a sua prioridade passa a ser garantir a segurança das bases no Iraque, que têm sido alvo de repetidos ataques nos últimos dois meses.

O reforço da segurança das instalações "limita a capacidade de treinar parceiros e de apoiar as suas operações contra o EI", diz o comunicado, para justificar a suspensão das atividades de treino desenvolvidas até agora.

"A nossa prioridade é proteger o pessoal da coligação. [...] Estamos totalmente empenhados em proteger as bases iraquianas que albergam as tropas da coligação", pode ler-se na nota hoje emitida.

A coligação internacional no Iraque liderada pelos Estados Unidos da América (EUA) conta ainda com a participação do Reino Unido, Austrália, Espanha e Polónia, em estreita cooperação com uma outra missão conduzida pela NATO (sigla inglesa para Organização do Tratado do Atlântico Norte).

A coligação justifica ainda a decisão dizendo que "os repetidos ataques de mísseis nos últimos dois meses, por elementos dos Katai'b Hizbulá, causaram a morte de membros das forças de segurança iraquianas e de um civil americano", em 27 de setembro.

Os Katai'b Hizbulá são batalhões que operam sob instruções das milícias pró-iranianas, que na semana passada foram alvo de dois ataques dos EUA, um dos quais vitimou mortalmente o general Qassem Soleimani, comandante de uma força de elite iraniana, provocando uma escalada de tensão no Médio Oriente.

No sábado, também a NATO tinha anunciado a suspensão das suas operações de treino no Iraque.

"A missão da NATO continua, mas as atividades de treino estão suspensas", disse White, porta-voz da organização, que confirmou que o secretário-geral, Jens Stoltenberg, tinha conversado por telefone com o secretário de Defesa norte-americano, Mark Esper, para se sintonizar sobre o desenvolvimento da situação no Médio Oriente.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório