Meteorologia

  • 19 ABRIL 2024
Tempo
17º
MIN 15º MÁX 21º

Há mais duas vítimas mortais provocadas pelos incêndios na Austrália

Cinco pessoas estão desaparecidas e milhares estão cercadas. Mais de 17 mil casas e negócios estão sem eletricidade no sul do estado de New South Wales.

Há mais duas vítimas mortais provocadas pelos incêndios na Austrália
Notícias ao Minuto

07:13 - 31/12/19 por Fábio Nunes

Mundo Incêndios Austrália

Os incêndios florestais na Austrália fizeram mais duas vítimas mortais esta terça-feira, avança o ABC. Inicialmente, estas duas pessoas, um homem de 63 anos e o seu filho de 29 anos tinham sido dadas como desaparecidas na cidade de Cobargo. A polícia disse que os dois homens tentaram defender das chamas a propriedade onde viviam, enquanto duas mulheres deixaram o local. 

Foi uma destas mulheres que ao regressar à residência encontrou os dois corpos.

O número total de vítimas mortais causadas pelos incêndios na Austrália, que devastam o país há meses, sobe assim para 11. 

Várias zonas da cidade de Cobargo foram destruídas pelo incêndio, com edifícios da principal rua a ficarem reduzidos a destroços. 

Há ainda registo de mais cinco pessoas desaparecidas em diferentes cidades.

Num hospital de Bega, em New South Wales, há várias pessoas com queimaduras graves e um bebé que nasceu prematuramente que aguardam para serem transferidos para unidades com mais valências. A transferência destes pacientes está a ser impossibilitada devido ao fumo denso que afeta o Estado de New South Wales.

Os fogos danificaram ainda várias linhas elétricas e deixaram mais de 17 mil casas e negócios a sul de New South Wales sem energia. Este apagão poderá manter-se durante 48 horas e as autoridades já alertaram que as comunicações vão ficar em baixo. 

No município de East Gippsland, na fronteira com o estado de Nova Gales do Sul, ao qual pertence Mallacoota, cerca de quatro mil pessoas fugiram para as praias para escapar às chamas, numa das regiões mais turísticas da Austrália.

No Estado de Victoria vários navios e helicópteros militares estão de prevenção para ajudarem com evacuações, caso seja necessário.  

[Notícia atualizada às 7h42]

Recomendados para si

;
Campo obrigatório