Meteorologia

  • 06 DEZEMBRO 2019
Tempo
13º
MIN 10º MÁX 17º

Edição

Benjamin Netanyahu e Mike Pompeo reúnem-se em Lisboa

O primeiro-ministro israelita, Benjamin Netanyahu, chega esta quarta-feira a Lisboa, para uma visita durante a qual vai reunir-se com o secretário de Estado dos EUA, Mike Pompeo, disse hoje à Lusa fonte oficial da embaixada de Israel.

Benjamin Netanyahu e Mike Pompeo reúnem-se em Lisboa

"Será uma visita não oficial", revelou a fonte da embaixada de Israel em Portugal, revelando também que está prevista uma reunião com o chefe da diplomacia dos Estados Unidos.

Mike Pompeo anunciou no passado dia 27 de novembro que estaria em Lisboa, no final desta semana.

O chefe da diplomacia dos Estados Unidos tem previstos encontros na capital portuguesa com o primeiro-ministro, António Costa, e o ministro de Estado e dos Negócios Estrangeiros, Augusto Santos Silva.

A agência Lusa contactou também a embaixada dos Estados Unidos em Lisboa para tentar obter mais pormenores sobre o encontro entre os dois representantes, mas, até ao momento, não obteve qualquer esclarecimento.

O jornal Jerusalem Post, que cita uma fonte do gabinete do primeiro-ministro israelita para confirmar a deslocação a Lisboa, avança que o foco da reunião entre Netanyahu e Pompeo deverá ser o Irão, indicando, no entanto, que outros assuntos poderão constar no alinhamento do encontro, incluindo a possível anexação do Vale do Jordão (parte oriental da Cisjordânia) e um pacto de defesa entre os Estados Unidos (EUA) e Israel.

O título refere que Netanyahu falou sobre estas três questões no domingo durante uma conversa telefónica com o presidente norte-americano, Donald Trump.

No passado dia 27 de novembro, o Departamento de Estado dos EUA anunciou que Mike Pompeo ia deslocar-se a Lisboa a 06 de dezembro (sexta-feira), no final de um périplo diplomático que também inclui o Reino Unido (onde está a decorrer a cimeira da NATO) e Marrocos.

No início desta semana, segundo acrescenta o Jerusalem Post, foi relatado que Netanyahu estaria a planear uma deslocação a Londres para encontrar-se com Pompeo e outros líderes internacionais, à margem da cimeira da NATO.

No entanto, o gabinete do primeiro-ministro israelita em funções nunca anunciou oficialmente esta deslocação.

De acordo com o jornal, Netanyahu, que recentemente foi acusado pelo procurador-geral de Israel em três casos de corrupção, terá tido dificuldade em agendar encontros com alguns dos principais líderes europeus.

O último encontro entre Netanyahu e Pompeo aconteceu em Jerusalém em outubro passado.

Este será o seu primeiro encontro desde que a administração norte-americana anunciou, em meados de novembro, que os Estados Unidos deixam de considerar os colonatos israelitas na Cisjordânia contrários ao direito internacional, abandonando uma posição que o Departamento de Estado defendia desde 1978.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório