Meteorologia

  • 29 JANEIRO 2020
Tempo
15º
MIN 13º MÁX 16º

Edição

Cão ou lobo? Encontrado animal com 18 mil anos que está intacto

Cientistas querem saber mais sobre a origem deste animal.

Cão ou lobo? Encontrado animal com 18 mil anos que está intacto

Os cientistas russos descobriram um cadáver canino perto de Yakutsk, na Sibéria, com 18 mil anos e com o focinho completamente preservado. Conforme pode ver na imagem, tanto o pelo, como o nariz e os dentes resistiram à passagem do tempo.

Através de análises aos ossos, especialistas do Centro de Paleogenética da Suécia determinaram que os restos mortais do animal encontrado havia congelado há cerca de 18 mil anos.

No entanto, as análises ao ADN ainda não permitiram afirmar se se trata de um cão ou de um lobo. Sabe-se apenas que é do sexo masculino. 

“Normalmente é relativamente fácil dizer a diferença entre os dois”, afirmou David Stanton, especialista do centro sueco, em declarações à CNN.

Disse ainda que o período em que o animal viveu é uma altura “muito interessante” no que toca à evolução dos cães e dos lobos.

“Não sabemos exatamente quando é que os cães foram domesticados, mas pode ter sido nessa altura”, acrescentou. A equipa está empenhada em descobrir se se trata de um cão ou de um lobo, ou até de uma mistura entre ambos.

Acredita-se que os cães modernos tenham sido domesticados de lobos, mas não é claro em que altura é que isso aconteceu.  Um estudo publicado na revista Nature em 2017 aponta para que os cães modernos resultaram da domesticação de uma única população de lobos há cerca de 20 mil a 40 mil anos atrás.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório