Meteorologia

  • 29 MARçO 2020
Tempo
18º
MIN 9º MÁX 19º

Edição

Partido Ennahdha indica Habib Jemli para primeiro-ministro da Tunísia

O partido islamita moderado Ennahdha, que venceu as legislativas de 06 de outubro na Tunísia, propôs o antigo secretário de Estado Habib Jemli para formar o próximo governo, indicou hoje um porta-voz do movimento.

Partido Ennahdha indica Habib Jemli para primeiro-ministro da Tunísia
Notícias ao Minuto

16:40 - 15/11/19 por Lusa

Mundo Tunísia

O líder histórico do Ennahdha Rached Ghannouchi foi eleito na quarta-feira presidente do parlamento.

"O Ennahdha propôs Habib Jemli para o cargo de chefe do governo", indicou Imed Khemiri à agência France Presse. O partido tinha até hoje para anunciar o nome da pessoa escolhida para formar um executivo.

Engenheiro agrícola de formação, Jemli, 60 anos, foi secretário de Estado do ministro da Agricultura de 2011 a 2014, nos dois governos de Hamadi Jebali e Ali Larayedh, do movimento Ennahdha. No seu currículo afirma não ter "qualquer filiação política".

Jemli deve ser encarregue formalmente pelo Presidente tunisino, Kais Saied, eleito a 13 de outubro, para formar o governo.

Terá um mês, período que poderá ser renovado uma vez, para realizar a tarefa e o governo deve depois ser aprovado por uma maioria de deputados.

Se não for conseguida uma maioria, o Presidente Saied poderá propor um outro chefe de governo.

O Ennadha obteve nas legislativas 52 dos 217 lugares do parlamento, tendo ficado longe da maioria absoluta de 109 deputados.

Os resultados das eleições mostram uma dispersão do parlamento entre formações divergentes, o que poderá exigir negociações difíceis para constituir um governo e posteriormente legislar.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório