Meteorologia

  • 09 DEZEMBRO 2019
Tempo
14º
MIN 10º MÁX 17º

Edição

Partido do Brexit recua para favorecer conservadores nas eleições

O líder do partido do Brexit, Nigel Farage, anunciou hoje que não vai apresentar candidatos às legislativas britânicas de 12 de dezembro em quase metade dos círculos para não prejudicar o partido Conservador.

Partido do Brexit recua para favorecer conservadores nas eleições
Notícias ao Minuto

13:10 - 11/11/19 por Lusa

Mundo Nigel Farage

Num discurso em Hartlepool, no norte de Inglaterra, Farage adiantou que o Partido do Brexit não vai disputar os 317 círculos onde os conservadores ganharam nas últimas eleições, em 2017.

"O vamos fazer é concentrar os nossos esforços em todos os assentos ocupados pelo Partido Trabalhista, que quebrou completamente a promessa do programa [eleitoral] em 2017 de respeitar o resultado do referendo [de 2016]", explicou.

Farage explicou que a decisão foi tomada após visionar um vídeo de propaganda publicado pelo primeiro-ministro britânico, Boris Johnson, no domingo nas redes sociais.

Neste, o líder do partido Conservador reafirma a intenção de sair da União Europeia e que as futuras relações vão basear-se "num simples acordo de comércio livre sem estar baseado em qualquer tipo de alinhamento político", o qual espera concluir até ao final de 2020 para não ter de estender o período de transição após o 'Brexit'.

Farage considera que este é um "compromisso claro e inequívoco" de Johnson e que pensou durante a noite: "Isto parece-se mais com o Brexit para o qual votámos: comércio, cooperação, reciprocidade com os nossos vizinhos europeus".

O foco da campanha do partido, adiantou, vai ser agora eleger alguns dos deputados em regiões até agora dominadas pelo Partido Trabalhista e que votaram pelo Brexit em 2016.

"E a única forma de forçar Boris a cumprir as suas promessas é ganhar alguns destes assentos, é isso que temos de fazer nestas eleições, porque quando o fizermos vamos ter uma voz do Brexit no parlamento", disse.

Nigel Farage e o Partido do Brexit estavam sob pressão para não disputarem as eleições contra os conservadores devido ao risco de polarizar o eleitorado e favorecer os partido pró-europeus, incluindo o 'Labour'.

Boris Johnson recusou uma aliança proposta por Farage, apesar de os partidos anti-Brexit, os Liberais Democratas, Plaid Cymru e Verdes, terem feito um pacto para apoiar um candidato único em 60 círculos eleitorais.

Os listas de candidatos só fecham na quinta-feira às 16h00 horas, sendo nessa altura que fica formalizado quais os nomes que vão constar dos boletins de voto nos 650 círculos eleitorais que correspondem número de assentos na Câmara dos Comuns que vão ser preenchidos nas eleições legislativas de 12 de dezembro.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório