Meteorologia

  • 13 NOVEMBRO 2019
Tempo
17º
MIN 13º MÁX 19º

Edição

Cantou na janela, desafiou recolher obrigatório e recebeu ovação no Chile

A soprano cantou durante o recolher obrigatório no Chile.

Cantou na janela, desafiou recolher obrigatório e recebeu ovação no Chile

A impressionante voz que pode ouvir no vídeo abaixo é de Ayleen Jovita Romero. A soprano dirigiu-se à janela e cantou quando o manto negro da noite descaiu no Chile e já depois do recolher obrigatório decretado pelo governo.

O vídeo foi captado no dia 21 de outubro, mas só agora ganhou projeção nas redes sociais e na imprensa internacional. Ayleen cantou durante o recolher obrigatório após dias de confrontos entre manifestantes e a polícia na capital sul-americana.

Mas não foi apenas a voz da soprano que chamou a atenção das pessoas que, no final, a aplaudiram. Foi, também, o tema escolhido. 'O direito de viver em paz', de Victor Jara, um popular cantor que foi assassinado no país depois do golpe militar de 1973, foi a música selecionada e que encantou os chilenos.

Ver essa foto no Instagram

“El derecho de vivir en paz” Victor Jara Nos manifestamos de manera pacífica en este toque de queda,todos los vecinos aquí apoyando la causa cantando y tocando sus bellos instrumento @paula_b.advis aquí está mi pedacito Invito a los demás artistas a hacer lo mismo en sus hogares la gente lo agradece y les hace bien  Es necesario.

Uma publicação compartilhada por Ayleenjovita.soprano (@ayleenjovita.soprano) em 21 de Out, 2019 às 7:12 PDT

A performance de Ayleen Jovita Romero não foi a única a chamar a atenção. Uma amiga da soprano, Paula Advis, tocou a mesma música no violino a partir da sua janela, na terceira noite do recolher obrigatório.

Ver essa foto no Instagram

La situación que estamos viviendo es heavy, todos estamos impactados pero emocionados porque Chile despertó !!! Estamos más unidos que nunca, esto no debe parar! Estoy emocionada, estoy con el corazón en la mano minuto a minuto. Hoy esperaba que a las 21:00 alguien tocara la olla o que alguien pusiera la canción de Víctor Jara, pero nada, no sucedió nada. Ayer y todos los otros días he hecho mierddddd mi olla gritando y gritando , protestando y dejando sordos a todos, que todos escuchen lo que el pueblo chileno tiene que decir... pero hoy quise hacer algo distinto, toque para mis vecinos la canción el derecho de vivir en paz, y realmente creo que fue una experiencia distinta, amigos artistas, el arte es un vehículo pacifico para protestar, la música sobre todo , la música SIEMPRE llega al corazón  Propongo que TODOS los músicos desde el toque de queda salgan a sus patios y balcones y toquen #elderechodevivirenpaz nuestra voz como artistas es fuerte y poderosa!!!! Hagámosla nuestra arma!! Únete  sube un vídeo a las redes y así todes vamos a comenzar a tocar a Víctor Jara todas las noches hasta que esto acabe. #renunciapiñera #chile #cello #estopasaenchile #nomasabusos

Uma publicação compartilhada por Paula B. Advis (@paula_b.advis) em 21 de Out, 2019 às 5:55 PDT

Recorde-se que o general de divisão do Exército chileno Javier Iturriaga, responsável da segurança durante o estado de emergência decretado na capital do Chile, estabeleceu o recolher obrigatório em Santiago e na região metropolitana, perante a continuação dos distúrbios.  

O protesto social, refira-se ainda, nasceu de uma subida do preço dos bilhetes de metro na capital, tendo-se espalhado para diversas cidades do país, com barricadas, incêndios e saques. 

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório