Meteorologia

  • 12 NOVEMBRO 2019
Tempo
13º
MIN 12º MÁX 18º

Edição

Movimento separatista Wexit Alberta cresce na região oeste do Canadá

Na parte ocidental do Canadá está a crescer o Wexit Alberta, um movimento separatista que pretende a independência daquela região, noticiou a estação pública de televisão

Movimento separatista Wexit Alberta cresce na região oeste do Canadá
Notícias ao Minuto

11:25 - 09/11/19 por Lusa

Mundo Canadá

Segundo a CBC, o Wexit Alberta já se registou junto da Comissão Nacional de Eleições (Elections Canada) para se tornar oficialmente num partido federal.

O movimento entregou no passado dia 6 de novembro, nas Elections Canada, 543 assinaturas para a formação oficial do partido, mais do dobro das eram necessárias: 250.

O grupo é liderado por Peter Downing, um antigo agente da Polícia Montada, de Alberta, e "tem como objetivo de fazer para o oeste do Canadá o que o Bloc Québécois fez pelo Quebec".

'Wexit' (Western Exit), um jogo de palavras que se pode traduzir por 'Oeste a sair do Canadá', aparenta ter conquistado popularidade após a vitória do partido Liberal do primeiro-ministro Justin Trudeau nas eleições federais de outubro, e perante uma região oeste do país bastante conservadora.

No seu perfil na rede social na rede social Twitter, o Wexit Alberta estabelece que os seus objetivos passam por "propor a ideia de uma ação de âmbito em todo o oeste do Canadá em direção à independência e a fusão de todos os grupos e partidos separatistas existentes".

Numa vigília realizada em Edmonton, no passado dia 04 de novembro, estiveram presentes cerca de 700 manifestantes, com o líder do Wexit Alberta a ostentar no boné a frase 'Torna Alberta Grande Outra Vez', numa alusão à expressão que ajudou, do outro lado da fronteira, a levar Donald Trump à presidência dos Estados Unidos em 2016.

A página no Facebook lançada em junho já tem mais de 30 mil seguidores.

Downing escreveu uma carta aberta ao primeiro-ministro de Alberta, Jason Kenney, a pedir um referendo para a população ser consultada quanto a uma eventual separação do resto do país, mas o governante já anunciou que não o vai fazer.

O chefe do governo provincial classificou a separação como "irracional" mas também indicou que está a "planear convocar um referendo sobre igualdade" e que está a formar um grupo para "discutir o lugar de Alberta na federação canadiana", com o propósito de reforçar as competências desta província d centro-oeste do Canadá.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório