Meteorologia

  • 14 NOVEMBRO 2019
Tempo
13º
MIN 10º MÁX 16º

Edição

Catalunha: Conselho das Comunidades solidário com portugueses

O Conselho das Comunidades Portuguesas (CCP) manifestou hoje a sua solidariedade com os portugueses na Catalunha, onde se têm registado protestos violentos, e pediu ao Governo que acompanhe a situação naquela região espanhola.

Catalunha: Conselho das Comunidades solidário com portugueses

O CCP -- órgão consultivo do Governo português para as questões da diáspora -- espera do executivo português uma maior atenção para "acompanhar a situação atuando, caso necessário, na defesa dos interesses e da integridade dos nossos compatriotas que vivem na Catalunha ou em Andorra".

Para o CCP, a violência resultante dos recentes factos ocorridos na Catalunha está a ameaçar "os pilares fundamentais de uma sociedade democrática assente na convivência pacífica, diálogo e respeito pela pluralidade de opiniões".

Esta moção de solidariedade foi aprovada sábado durante uma reunião do Conselho Permanente do CCP.

Algumas embaixadas, como as dos Estados Unidos, Reino Unido, França e Portugal, difundiram mensagens sobre os riscos de viajar à Catalunha.

Quase 200 pessoas foram detidas e 289 agentes da polícia ficaram feridos desde a passada segunda-feira nos protestos na Catalunha contra a sentença que condenou 12 dirigentes políticos catalães, segundo fontes policiais.

Desde a passada segunda-feira, dia em que começaram os protestos, a polícia regional da Catalunha (Mossos d'Esquadra) deteve 157 pessoas, a Polícia Nacional 34 e a Guarda Urbana de Barcelona oito, o que equivale a 199 pessoas detidas no total.

Dos 199 detidos, 92 foram presos em Barcelona, 27 em Girona, 37 em Tarragona e 43 em Lleida.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório