Meteorologia

  • 15 DEZEMBRO 2019
Tempo
15º
MIN 12º MÁX 17º

Edição

Assange vai hoje a tribunal. Fundador da Wikileaks pede condicional

Juiz britânico quer verificar pessoalmente se o fundador do WikiLeaks tem direito à liberdade condicional.

Assange vai hoje a tribunal. Fundador da Wikileaks pede condicional

O fundador do WikiLeaks, Julian Assange, vai comparecer, esta segunda-feira, pela primeira vez a uma audiência, no Tribunal londrino de Westminster, para pedir a sua liberdade condicional, enquanto aguarda pelo julgamento sobre o processo de extradição para os EUA

A ordem foi dada por um juiz britânico depois de os advogados de Assange terem pedido a sua libertação temporária por motivos de saúde. O magistrado quer examinar, ao vivo, o fundador do WikiLeaks para ver se este tem realmente direito à liberdade condicional.

Recorde-se que Assange, que está a ser acusado de quase duas dezenas de crimes pelos EUA, entre os quais conspiração e acesso ilegal a informações confidenciais do Pentágono,  refugiou-se em 2012 na embaixada equatoriana em Londres, depois de ser acusado de violação na Suécia.

Em abril deste ano, o australiano foi expulso da embaixada do Equador devido a várias questões, nomeadamente, de higiene. A partir do momento em que deixou de estar ao abrigo do governo do Equador, em Londres, Assange foi detido e encaminhado para uma prisão de alta segurança onde aguarda pelo julgamento do processo de extradição para os EUA, o que deverá acontecer a 25 de fevereiro de 2020.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório