Meteorologia

  • 19 OUTUBRO 2019
Tempo
18º
MIN 14º MÁX 19º

Edição

Venezuela: Chefe da diplomacia do Brasil critica inércia da ONU

O chefe da diplomacia do Brasil, Ernesto Araújo, criticou hoje a atuação da ONU em relação à Venezuela, afirmando que a organização internacional "não faz nada" para resolver a crise económica e social que afeta aquele país.

Venezuela: Chefe da diplomacia do Brasil critica inércia da ONU

Para sustentar as críticas à ONU, Ernesto Araújo apontou o facto de a organização internacional ter recebido na sua sede, há poucas semanas, a jovem ativista ambiental Greta Thunberg, de 16 anos.

Segundo relatou o chefe da diplomacia brasileira, no mesmo dia em que Greta Thunberg discursava nas Nações Unidas, o próprio recebeu uma fotografia "de uma rapariga de 14 anos que pesava 14 quilos, vítima de fome" e da crise venezuelana.

"Enquanto a ONU acolhia Greta, bem alimentada e bem nutrida, não faz nada por aquela rapariga na Venezuela (...) nem contra [o Presidente Nicolás] Maduro. Então pergunto: 'How dare you?' (Como se atrevem?, na tradução em português)", disse Ernesto Araújo, recorrendo a uma frase utilizada por Greta Thunberg no discurso que proferiu nas Nações Unidas.

A Venezuela atravessa uma crise política há vários meses, situação que se soma a uma grave crise económica e social que já levou cerca de quatro milhões de pessoas a fugirem do país desde 2015, segundo dados da ONU.

O chefe da diplomacia brasileira falava numa conferência dedicada à ação política conservadora, a decorrer em São Paulo.

Durante a sua intervenção, o ministro das Relações Exteriores do Brasil criticou aquilo que apelidou de "ideologia de esquerda", corrente que, na sua opinião, levou a todos os regimes totalitários do mundo.

Já o conservadorismo, o ministro do Governo liderado pelo Presidente Jair Bolsonaro caracterizou como uma "busca humilde da verdade".

Na sexta-feira, na abertura desta conferência, o deputado brasileiro e filho do Presidente, Eduardo Bolsonaro, pediu à plateia de apoiantes para que defendessem as políticas conservadoras do Governo de Brasília e que respondessem com sarcasmo à esquerda.

Esta conferência é uma versão local do maior encontro conservador do mundo, a Conferência de Ação Política Conservadora, realizado pela União Conservadora Americana, em Washington, desde 1973.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório