Meteorologia

  • 16 NOVEMBRO 2019
Tempo
MIN 8º MÁX 14º

Edição

Mansão com 255 anos faz caminho inusitado até à nova morada nos EUA

A casa vai percorrer 80 quilómetros de distância por terra e água até chegar ao destino.

Uma mansão do século XVIII, com 255 anos, está a atravessar o estado norte-americano de Maryland por terra e água. A habitação histórica está nos passos finais do seu percurso de 80 quilómetros entre a cidade de Easton e Queenstown, nos EUA.

Easton foi o local de construção da casa e onde esteve desde 1764 quando foi erguida para o casal recém-casado William Nicols e Henrietta Maria Chamberlaine Nicols, é explicado numa página online dedicada à grande mudança.

"Após anos de negligência, desocupação e a expansão suburbana interminável, a histórica mansão Galloway... tinha um futuro sombrio", começam por dizer. Explicando que de forma a impedir que "o pedaço fabuloso de história e arquitetura americana" definhasse, decidiram "fazer o impensável".

"Pegar na casa toda, chaminés e tudo, conduzir seis milhas (nove quilómetros) pela cidade de Easton, carregá-la numa plataforma e fazê-la flutuar 50 milhas (80 quilómetros) na baía de Chasapeake até à sua nova casa em Queenstown", relatam na nota deixada na página da aventura.

Justificam ainda que a distância por estrada é mais curta, mas que e o plano de transporte era mais complicado. No início desde mês, a casa já fez a parte do percurso por estrada, deixando no seu caminho alguns bloqueios de trânsito devido à sua dimensão.

Na quarta-feira foi posta na plataforma de forma a flutuar o resto do caminho até uma propriedade igualmente histórica, onde será restaurada para o estado original.

Veja na galeria o vídeo da travessia inusitada.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório