Meteorologia

  • 14 OUTUBRO 2019
Tempo
16º
MIN 13º MÁX 19º

Edição

Boris avisa deputados: Travar saída a 31 de outubro deteriorará confiança

O primeiro-ministro britânico avisou hoje os deputados que travar o 'Brexit' a 31 de outubro "causará danos duradouros à confiança das pessoas na política" e alegou que a ameaça de saída sem acordo facilita as negociações com Bruxelas.

Boris avisa deputados: Travar saída a 31 de outubro deteriorará confiança
Notícias ao Minuto

13:50 - 30/08/19 por Lusa

Mundo Brexit

"A minha mensagem para eles é que acho que a pior coisa para a democracia agora seria cancelar o referendo, que é o que algumas pessoas estão a sugerir, anular esse resultado e dizer às pessoas que serão ignoradas, depois de todas as promessas que foram feitas", afirmou Boris Johnson, em declarações transmitidas na Sky News.

Johnson disse acreditar que se os deputados impedirem a saída do Reino Unido da União Europeia (UE) a 31 de outubro, "isso causará danos duradouros à confiança das pessoas na política, causará danos duradouros e catastróficos aos principais partidos" do país.

"E acho que esta geração política não será perdoada por não cumprir aquela promessa", frisou.

O governo britânico mantém que pretende concluir um acordo de saída com a UE e hoje anunciou uma intensificação das negociações, com reuniões entre as duas partes duas vezes por semana, mas defende que a ameaça de um 'Brexit' sem acordo vai ajudar a colocar pressão para obter as alterações pretendidas ao documento negociado por Theresa May, antecessora de Boris Johnson, e chumbado três vezes pelo parlamento britânico.

Nos últimos dias, a oposição e deputados do partido Conservador manifestaram-se empenhados aprovar legislação para impedir uma saída sem acordo na próxima semana devido à anunciada suspensão do parlamento durante cinco semanas, da segunda semana de setembro até 14 de outubro.

Mas o primeiro-ministro receia que estas iniciativas prejudiquem a estratégia do governo.

"Receio que, quanto mais nossos amigos e parceiros pensam que o 'Brexit' pode ser impedido, que o Reino Unido pode ser mantido [na UE] pelo Parlamento, menor a probabilidade de eles nos darem o acordo que precisamos", avisou.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório