Meteorologia

  • 23 SETEMBRO 2019
Tempo
19º
MIN 14º MÁX 25º

Edição

Rússia ameaça retirar filho a pais que estiveram em protesto com bebé

Caso está a gerar controvérsia na Rússia, numa altura em que a popularidade de Vladimir Putin parece ter sido afetada.

Rússia ameaça retirar filho a pais que estiveram em protesto com bebé

Nas últimas semanas têm sido vários os protestos a decorrer na Rússia, em particular em Moscovo.

Habitualmente, a polícia russa leva a cabo intervenções musculadas, por vezes particularmente violentas, detendo vários dos manifestantes. Mas a pressão política do regime de Vladimir Putin - cuja popularidade parece ter sido abalada em 2019 - prossegue após o fim dos protestos.

São vários os cidadãos russos que acusam o regime de Putin de pressão, com acusações graves sem provas concretas. Mas há um caso em particular que se destaca por estes dias e que nos é revelado pela BBC.

Trata-se de Dmitry e Olga Prokazov, um casal que marcou presença num recente protesto contra o regime de Putin.

As autoridades russas ameaçam agora retirar o bebé ao casal por alegadamente este "ter colocado em risco" a criança ao participar num protesto. O casal é ainda acusado de ter usado a criança para ajudar a retirar dos protestos um suposto organizador do protesto - que entretanto foi detido.

Na base das acusações está um vídeo publicado no YouTube que mostra imagens do casal no protesto - algo que o próprio casal confirma. O mesmo vídeo, de propaganda favorável ao governo de Putin, apresenta os manifestantes como violentos e sugere que o casal deu o filho a um suposto organizador do protesto, para que este fugisse da polícia.

Segundo o casal - que surge a entregar o bebé a este homem no vídeo -, não havia nenhum agente por perto. De resto, o homem que a dada altura fica com o bebé é, na verdade, um primo que os acompanhou no protesto.

O caso ganhou contornos mais graves e está a ganhar atenção naquele país, com crescentes críticas à política repressiva.

Adianta a BBC que pelo menos uma dúzia de pessoas arrisca penas pesadas por terem integrado a organização de protestos contra Putin. No caso deste casal, a ameaça por terem protestado contra o regime russo é a perda do bebé. 

"É extremamente cruel castigar os nossos filhos. Somos bons pais e é fácil prová-lo", afirma Olga Prokazov à antena da cadeia britânica.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório