Meteorologia

  • 17 SETEMBRO 2019
Tempo
17º
MIN 16º MÁX 27º

Edição

Guerra dos abacates no México pode ter sido motivo de massacre

Em diferentes locais do estado de Michoacán foram encontrados 19 corpos. Suspeitas iniciais pendiam sobre o narcotráfico, mas afinal a explicação pode residir na disputa pela indústria dos abacates.

Guerra dos abacates no México pode ter sido motivo de massacre

Na passada quinta-feira, a polícia mexicana descobriu 19 corpos espalhados por diferentes locais do estado de Michoacán. Nove corpos foram encontrados a pender de uma ponte e outros dez foram encontrados em dois locais distintos.

Tendo em conta a exibição dos corpos na ponte, as suspeitas iniciais incidiram nos cartéis de narcotráfico, que muitas vezes escolhem deixar os corpos ou partes de corpos em espaços públicos que chamem a atenção, enviando assim uma mensagem aos cartéis rivais.

No entanto, a droga não terá sido o que motivou este massacre em Michoacán. Um especialista em narcotráfico disse ao The Guardian que estes homicídios estarão ligados à disputa pela multimilionária indústria de abacates naquela região mexicana.

“O grande imane aqui são os abacates”, afirmou Falko Ernst, da International Crisis Group. A indústria de abacates tornou o estado de Michoacán num campo de batalha e os grupos de criminosos chegam a roubar quatro camiões de transporte de abacates por dia.

“Há pelo menos 20 grupos armados que estão a competir violentamente por territórios e mercados no estado. No entanto, nenhum dos atores foi capaz de estabelecer domínio sobre outros”, acrescentou Ernst.

Cerca de 80% dos abacates exportados do México para os Estados Unidos saem de Michoacán, segundo o Departamento de Agricultura dos Estados Unidos.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório