Meteorologia

  • 12 NOVEMBRO 2019
Tempo
14º
MIN 12º MÁX 18º

Edição

"Não há limites para aquilo que uma mulher pode alcançar"

Theresa May faz último discurso como primeira-ministra britânica

"Não há limites para aquilo que uma mulher pode alcançar"

Após a eleição de Boris Johnson como líder do partido Conservador e novo primeiro-ministro, a atual primeira-ministra britânica, Theresa May é esperada esta tarde no Palácio de Buckingham para entregar a sua demissão formal à Rainha Isabel II.

À porta do número 10 de Downing Street, acompanhada pelo marido Philip, Theresa May fez aquele que será o seu último discurso enquanto chefe do governo britânico.

Começou por dizer que iria recomendar Boris Johnson à Rainha como seu sucessor e que lhe deseja e ao seu governo "toda a melhor sorte nos meses e anos que se seguem".

"Os seus sucessos serão os sucessos do nosso país e espero que sejam muitos", continuou.

Para Theresa May o Reino Unido "é um país de aspirações e oportunidades" e garantiu ter sido "a maior honra" ser primeira-ministra britânica. "A grande responsabilidade é ultrapassada pela honra de servir o nosso país", assumiu. No entanto, reitera, "nada se consegue sozinho", agradecendo a todos quantos serviram ao seu lado e ao povo britânico.

"Conforme saio de Downing Street as minhas últimas palavras são de sincero agradecimento, aos meus colegas no governo e no parlamento, a toda a gente no edifício atrás de mim [número 10 de Downing Street] e a todos nos serviços públicos", sublinhou.

"Quero agradecer ao povo britânico e a todos que amam o nosso grande país e que trabalham arduamente para a sua família e para que tenham um melhor futuro do que eles tiveram", acrescentou. "Obrigada por depositarem a vossa fé em mim e darem-me a hipótese de vos servir", refere.

A governante deixou ainda a nota de que espera que o seu papel como uma primeira-ministra e mulher dê mais certezas a todas as meninas de que "não há limites para aquilo que uma mulher pode alcançar".

No final do seu discurso, May garantiu que vai "continuar a fazer tudo o que pode para servir o interesse nacional". "Vou fazer a minha parte para fazer do nosso Reino Unido um grande país com um grande futuro. Um país que funcione para toda a gente", rematou.

O próximo discurso a ser feito à porta da residência oficial do primeiro-ministro será feito por Boris Johnson após ser empossado pela Rainha Isabel II.

Recorde-se que Theresa May esteve em funções durante três anos, sucedendo a David Cameron, que se demitiu na sequência do referendo que ditou o Brexit, em 2016. Porém, decidiu afastar-se perante a dificuldade em completar o processo de saída do Reino Unido da União Europeia (UE).

Hoje, no último debate semanal com os deputados, recebeu sobretudo elogios de deputados de ambos os lados da Câmara dos Comuns, que louvaram o seu sentido de dever, dedicação ao serviço público, integridade e resiliência, e recebeu uma ovação no final, incluindo de alguns deputados da oposição.

[Notícia atualizada às 14h45]

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório