Meteorologia

  • 22 AGOSTO 2019
Tempo
25º
MIN 21º MÁX 27º

Edição

Tribunal egípcio condena 11 a prisão perpétua por se juntarem ao Daesh

Onze pessoas foram hoje condenadas a penas de prisão perpétua no Egito por se terem juntado ao grupo 'jihadista' Estado Islâmico (EI) na Síria e no Iraque.

Tribunal egípcio condena 11 a prisão perpétua por se juntarem ao Daesh

O tribunal criminal de Giza alegou que todos os arguidos viajaram para o estrangeiro para receberem formação militar e para lutarem pelo EI.

Dois outros arguidos foram condenados a penas de 15 anos de prisão, enquanto um outro foi condenado a três anos pelas mesmas acusações, que incluem posse de armas e planeamento de ataques contra forças de segurança e instituições de Estado.

Os condenados podem recorrer da decisão do tribunal, que retirou as acusações contra um outro réu.

O Egito enfrenta vários conflitos originados pelo EI, mais concretamente na península Sinai.

Esta luta intensificou-se em 2013 depois de os militares derrubarem um presidente islâmico eleito, mas controverso.

Os militantes do grupo 'jihadista' realizaram vários ataques, sobretudo contra as forças de segurança e minorias cristãs.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório