Meteorologia

  • 23 JULHO 2019
Tempo
26º
MIN 22º MÁX 28º

Edição

Petroleiro será libertado se Irão der garantias sobre o seu destino

O petroleiro iraniano retido ao largo de Gibraltar e suspeito de se dirigir para a Síria, em violação de sanções, será libertado se o Irão der "garantias sobre o seu destino", disse hoje o ministro britânico dos Negócios Estrangeiros.

Petroleiro será libertado se Irão der garantias sobre o seu destino
Notícias ao Minuto

19:20 - 13/07/19 por Lusa

Mundo Jeremy Hunt

Jeremy Hunt informou no Twitter que falou hoje com o seu homólogo iraniano, Mohammad Javad Zarif, a propósito do petroleiro Grace 1.

"Assegurei-lhe que a nossa preocupação era o destino e não a origem do petroleiro Grace 1, e que o Reino Unido facilitaria a sua libertação se tivermos garantias de que não irá para a Síria", afirmou o ministro britânico, numa mensagem no Twitter.

O governante acrescentou que o chefe da diplomacia iraniana "quer resolver a questão", e adiantou que também falou com o chefe do governo de Gibraltar, Fabian Picardo, que considera estar a fazer "um excelente trabalho de coordenação, e compartilha a perspetiva do Reino Unido sobre o caminho a seguir".

Com 330 metros de comprimento e 2,1 milhões de barris de petróleo a bordo, a sua capacidade máxima, o petroleiro iraniano foi retido em 04 de julho pela polícia e pelas alfândegas de Gibraltar, com o apoio de um destacamento dos Royal Marines britânicos, ao largo do território britânico situado no extremo sul de Espanha.

As autoridades locais suspeitam que o petroleiro se destina a entregar petróleo à Síria, em violação das sanções europeias contra o regime de Bashar al-Assad, algo que Teerão nega e já denunciou como um ato de "pirataria".

O supremo tribunal de Gibraltar autorizou a imobilização do petroleiro durante 14 dias, até 19 de julho, uma autorização que pode ser prolongada para 90 dias, no total.

O capitão e três oficiais do petroleiro retido na semana passada ao largo de Gibraltar, suspeito de se dirigir para a Síria, foram libertados na sexta-feira, anunciaram as autoridades.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório