Meteorologia

  • 23 AGOSTO 2019
Tempo
31º
MIN 27º MÁX 34º

Edição

Sismo na Califórnia foi o mais forte em 20 anos. Esperado novo abalo

Declarado estado de emergência a nível local, em Ridgecrest, próximo do epicentro. Presidente norte-americano garante que está tudo sob controlo.

O sul do estado norte-americano da Califórnia foi esta quinta-feira abalado por um sismo de magnitude 6.4 na escala de Richter, naquele que terá sido o terramoto mais forte a atingir aquela área em 20 anos, diz a CNN.

O Serviço Geológico dos Estados Unidos (USGS) avançou que o epicentro do abalo foi localizado na região de Searles Valley, perto da cidade de Ridgecrest, a cerca de 240 quilómetros a nordeste de Los Angeles, e a uma profundidade de 8,7 quilómetros.

O abalo ocorreu às 10h33 locais (18h33 de Lisboa) e foram, entretanto, registadas mais de 80 réplicas, com magnitudes que oscilam entre os 2.5 e 4.6, tendo a agência USGS admitido que existe uma probabilidade de 50% de se registar outro sismo de grande magnitude na próxima semana.

A cidade de Ridgecrest registou várias dezenas de ocorrência, entre feridos ligeiros e pequenos focos de incêndio, assim como estragos de diversas ordens, como pode ver na galeria acima. A mayor da cidade, Peggy Breeden, declarou há instantes estado de emergência.

Peggy Breeden disse ainda que os trabalhadores das companhias de gás estão a avaliar as linhas interrompidas e desligando o fornecimento quando necessário.

O maior hospital local, Ridgecrest Regional Hospital, que fica muito próximo do epicentro, foi evacuado até ser garantida a sua segurança. Os pacientes foram todos deslocados para outras instituições de saúde.

Em 1999 um terramoto de magnitude 7.1 atingiu uma parte remota do deserto do Mojave, sendo esse o tremor de terra mais grave mas não aquele que causou danos mais significativos. Esse aconteceu cinco anos antes, em 1994, quando um sismo de 6.7 atingiu Northridge, em Los Angeles, resultando em estragos na ordem dos 25 mil milhões de dólares.

O presidente norte-americano, Donald Trump, já reagiu ao incidente, através do Twitter, garantindo que a situação está controlada. “Estou inteiramente ao corrente da situação no sul da Califórnia. Parece-me tudo francamente sob controlo”, escreveu.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório