Meteorologia

  • 15 OUTUBRO 2019
Tempo
19º
MIN 12º MÁX 20º

Edição

Britânica acusada de violação de dados por revelar identidade de pedófilo

Britânica suspeitou de um homem que vivia na sua rua e acabou por confirmar cadastro.

Britânica acusada de violação de dados por revelar identidade de pedófilo

Uma mulher britânica foi acusada de violação das leis de proteção de dados depois de ter revelado aos moradores da sua comunidade que um deles era pedófilo, escreve o The Sun.

Claire Varin, de 37 anos, suspeitou de um homem residente na sua rua, em West Yorkshire, por agir de forma estranha com a sua filha menor, e dirigiu-se à polícia onde, fazendo uso da 'Sarah's Law' (Lei de Sarah), pode inquirir em relação ao cadastro do sujeito.

A Lei de Sarah, recorde-se, é um projeto implementado no Reino Unido que permite que qualquer cidadão possa inquirir, junto das autoridades, se uma pessoa com acesso a crianças têm cadastro de agressão sexual infantil. O cidadão, porém, tem de assinar um acordo de confidencialidade.

A britânica, percebendo que o sujeito, com cerca de 30 anos, já estivera preso por posse de imagens pornográficas infantis, revelou aquilo que soubera junto das autoridades a todos os pais da vizinhança, para que pudessem proteger as suas crianças.

Varin acabou por ser acusada de violação das leis de proteção de dados, tendo sido até ameaçada de ir a tribunal, antes de ver o seu caso arquivado. A polícia de West Yorkshire indicou que a acusação foi arquivada depois “surgirem novas provas”.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório