Meteorologia

  • 20 JULHO 2019
Tempo
18º
MIN 17º MÁX 20º

Edição

Mulher de treinador de lacrosse viola menino durante viagens da equipa

Criança tinha apenas 10 anos quando começou a sofrer abusos.

Mulher de treinador de lacrosse viola menino durante viagens da equipa

Su Hyon Dillon, de 44 anos, terá violado, repetidamente, uma criança que pertencia à equipa de lacrosse, da qual o seu marido era treinador, no estado norte-americano de Washington.

Os abusos, que só agora foram descobertos, terão começado quando o menino, amigo do filho da abusadora, tinha 10 anos, em maio de 2014, e terão sido repetidos até maio de 2015. A maioria deles aconteceu durante viagens da equipa, mas alguns tiveram lugar mesmo em casa da mulher.

Conta o The Sun que a norte-americana terá forçado a criança a fazer sexo com ela, várias vezes. Numa das situações, o menino terá mesmo mostrado preocupação com a possibilidade de a abusadora engravidar. Ao que ela terá respondido que tinha laqueado as trombas.

Numa outra vez, a mulher pediu ao menino para manter segredo dos abusos, porque queria que o relacionamento continuasse e ficasse mais sério.

Depois de um ano de abusos, o atleta começou a ter pensamentos suicidas, chegando mesmo a cortar-se. Quando começou a faltar à escola, a mãe decidiu que era altura deste passar um tempo com o pai, na Virgínia. Só aí, ao ser acompanhado por um psicólogo, é que a criança contou que sofria abusos sexuais.

Quando confrontada com o crime, Dillon começou por negar os abusos, para de seguida acusar ao menino de ter “começado".

Mais tarde, admitiu que estava com problemas no casamento e que o menino a fazia sentir-se bem.

Dillon vai agora responder pelo crime de abuso de menores. Até ser conhecida a pena, está proibida de voltar para casa e de contactar com crianças, inclusive com os filhos.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório