Meteorologia

  • 20 JUNHO 2019
Tempo
17º
MIN 15º MÁX 18º

Edição

Urso polar encontrado exausto a 700 km de casa na Rússia

Os ativistas ambientais culpam as alterações climáticas pelo aparecimento do animal fora do seu habitat natural.

Os residentes de uma vila russa na península de Kamchatka ficaram admirados com a visão de um urso polar a tentar encontrar comida a centenas de quilómetros do seu habitat natural. Segundo os meios de comunicação locais, na passada quarta-feira, o animal descrito como estando com um ar exausto, terá viajado cerca de 700 quilómetros para sul, de Chukotka até Kamchatka.

Os ativistas ambientais, conta o Guardian, referem que o urso deverá ter perdido o sentido de orientação quando flutuava numa placa de gelo. "Devido às alterações climáticas, o Ártico está a ficar mais quente, o que faz com que o ambiente de caça fique mais pequeno e menos conveniente", explicou Vladimir Chuprov, da Greenpeace, acrescentando que "o gelo está a encolher e os ursos polares procuram por novas formas de sobrevivência. E a mais fácil é procurar as pessoas".

E com razão. Os habitantes locais fizeram o animal sentir-se bem-vindo e deram-lhe peixe.

As autoridades locais estão a preparar uma equipa de resgate para o final desta próxima semana, cujo objetivo é sedar o animal e levá-lo de helicóptero até Chukotka.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório