Meteorologia

  • 23 OUTUBRO 2019
Tempo
15º
MIN 13º MÁX 19º

Edição

Nova Zelândia: Grupo judeu vai retribuir gesto da comunidade muçulmana

Depois de um tiroteio numa sinagoga de Pittsburgh, grupos muçulmanos angariaram dinheiro para apoiar as vítimas.

Nova Zelândia: Grupo judeu vai retribuir gesto da comunidade muçulmana

Num momento de luto para a comunidade muçulmana na Nova Zelândia, mas não só, a Federação Judia de Greater Pittsburgh, nos Estados Unidos, quer devolver o gesto solidário que recebeu de grupos muçulmanos depois de um tiroteio na sinagoga Tree of Life no ano passado que provocou a morte a 11 pessoas.

Em outubro, a comunidade muçulmana agiu e angariou mais de 200 mil dólares (mais de 177 mil euros) para apoiar as vítimas desse tiroteio e as suas famílias.

Agora a organização judia quer ajudar a comunidade muçulmana depois dos ataques desta sexta-feira em duas mesquitas em Christchurch terem tirado a vida a 49 pessoas.

Num comunicado divulgado hoje, a Federação Judia de Greater Pittsburgh informou que estava a aceitar doações.

“Infelizmente, nós estamos demasiados familiarizados com o efeito devastador que um tiroteio em massa tem numa comunidade religiosa. Estamos enlutados com este ato de raiva sem sentido. Que aqueles que ficaram feridos possam recuperar rapidamente e que as memórias das vítimas possam ser uma bênção para a eternidade”, pode ler-se.

O suspeito do tiroteio chama-se Brenton Harrison Tarrant e encontra-se detido, mas há mais dois suspeitos que permanecem sob custódia.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório